Viagens para aproveitar a terapia das águas

Viagens para aproveitar a terapia das águas

Atualizado: Quarta-feira, 4 Agosto de 2010 as 1:42

Diversão garantida em Caldas Novas (GO)

A pequenina cidade goiana Rio Quente vive praticamente do Rio Quente Resorts, um complexo com hotéis, flats e dois parques aquáticos. Lá fica o Hot Park, com sua atração batizada de Praia do Cerrado: areia branquinha, água a

37 °C e ondas de até 1,20 metro de altura (é a maior piscina com ondas da América Latina!).

A apenas 43 km está a animada Caldas Novas, que também não se parece muito com as pacatas estâncias hidrominerais do resto do país. Em vez de um público mais velho em busca de sossego e das águas medicinais, as piscinas termais atraem pessoas de todas as idades, que acabam fazendo delas uma festa com direito a música e comilança. O gostoso é passar o dia dentro d’água, enquanto animadores fazem todo mundo se mexer com hidroginástica e brincadeiras nos clubes e parques aquáticos que funcionam dentro da maioria dos hotéis.

O que ver

Clubes Termais

A maioria dos hotéis de Caldas Novas tem parque aquático próprio, mas na cidade também há clubes termais abertos aos turistas. Mais econômicos que as piscinas do Rio Quente Resorts (em Rio Quente), eles têm estrutura para o visitante passar o dia, com bares, restaurantes e área de lazer que lota nos fins de semana. O melhor fica bem pertinho do Centro: o Di Roma Acqua Park (r. São Cristóvão, 805, fone: (64) 3453-1586; 4ª/dom 8h/20h; jan, jul e dez: 8h/20h; R$ 30), quase em frente ao hotel de mesmo nome, com cinco piscinas termais, uma com toboágua e outra com ondas. A 9 km, na beira do lago Corumbá, de água fria, o Náutico Praia Clube (r. Caminho da Praia, fone: (64) 3455-9100; 3ª/dom 9h/18h; jan, jul e dez: 9h/18h; R$ 40, inclui passeio de escuna) conta com três piscinas, todas de água fria, tirolesa e jet ski. Do outro lado da cidade, a 7,5 km, o Lagoa Thermas Clube (estr. p/ Pires do Rio, km 5, fone: (64) 3453-1250; 2ª/3ª e 5ª/dom 8h/18h; jan e jul: 8h/19h; R$ 39, inclui almoço) preserva a área da lagoa de Pirapitinga (ou lagoa Quente), onde as águas termais teriam sido encontradas pela primeira vez na região, no final do século 18. A lagoa não é liberada para banhos, mas a diversão é garantida nas dez piscinas termais.

Parque Estadual da Serra de Caldas Novas

Criado para preservar a área de captação de água que sustenta o turismo local, o parque é uma alternativa ao agito dos clubes e piscinas. A partir da portaria, há duas trilhas fáceis que terminam em quedas-d'água boas para banho: a da Cascatinha a 500 m e a do Paredão a 1 km. Uma van (R$ 5/pessoa) leva ao mirante, a 11 km, de onde se tem bonita vista da região. Acesso pela avenida Cel. Bento de Godoy, fone: (64) 3453-5805. R$ 5.

Hot Park

A centenas de quilômetros do mar, um dos destinos turísticos mais concorridos do país junta gente de todas as idades em trajes típicos de praia. É o Hot Park, parque de águas termais do complexo Rio Quente Resorts. A melhor atração é a enorme Praia do Cerrado, do tamanho de três campos de futebol. Tem areia branquinha de rocha triturada, água termal a 37º C e ondas de até 1,20 m de altura. É a maior piscina de ondas da América Latina e a quinta do mundo, com 210 m de faixa de areia divididos em três partes: a Prainha da Marina, com ondas pequenas, destinada às crianças; a Praia do Bikini, mais agitada, com palcos para shows e arena para vôlei e futebol; e a Praia dos Sonhos, com clima lounge, cheia de gazebos e poltronas. Mais radical, o Half Pipe é uma rampa com bordas altas e formato de U, onde se desce em dupla numa boia - são poucos e alucinantes segundos despencando quase em queda livre. Impossível não gritar. Os tobogãs Aqua River e Aqua Race e o Lazy River, uma sinuosa piscina de correntezas, são programas mais calminhos. Algumas atrações são pagas à parte, como o Hot Fly, tirolesa em que você desliza deitado, preso pelas pernas e braços. A sensação é de se estar voando. Depois de brincar de Superman, hora de bancar o Aquaman: no mergulho de cilindro dá para nadar pertinho de peixes como o enorme pirarucu. Visto através da máscara de mergulho, que aumenta as imagens em até 25%, o peixão parece ainda maior.

Final da GO-507 (Rio Quente Resorts), fone: (64) 3512-8010. R$ 87.

Onde ficar

Sesc Caldas Novas

Tem a melhor área de lazer da cidade, distribuída num terreno equivalente a 31 campos de futebol, e quase todas as atividades são abertas ao público. O bloco Wilton Honorato, mais novo, conta com ótimos quartos, todos com camas confortáveis e TV de 21". Vale um alerta: o lugar é muito concorrido e, por isso, as reservas devem ser feitas com cerca de um mês de antecedência. Fone: (64) 3455-9400. www.sescgo.com.br

Nobile Inn Thermas Place

Os quartos novos e bem-equipados, com direito a ar-condicionado silencioso e cama queen-size, são um dos chamarizes do hotel. Outro são as muitas piscinas presentes na área de lazer. Tem de tudo: com água fria, termal, com rede de biribol, com cascata e com pontos de hidromassagem. Fone: (64) 3454-7000. www.nobilehoteis.com.br

Hot Star

O prédio de quatro andares abriga ambientes com decoração moderna e quartos equipados com ar-condicionado, frigobar e TV de 20”. Há três pequenas piscinas termais, mas quem se hospeda aqui pode usar livremente a completa área de lazer do hotel Privê, que está a poucos metros do Hot Star. Fone: (64) 3455-6006. www.rededehoteisprive.com.br

Onde comer

Nonna Mia

O rodízio de galeto representa 70% dos pedidos, mas a casa também serve receitas variadas à la carte em um típico salão de cantina. Av. Orcalino Santos, 95 (Centro), fone: (64) 3453-3368. 2ª e 4ª/dom 11h30/15h, 18h30/23h; jan/fev, jul e dez: 11h30/15h, 18h30/23h. Galeto (rodízio).

Tucunaré Casa do Peixe

O forte da casa são receitas com peixes de rio, como tucunaré, tambaqui, pintado e dourado. R. Antonio Coelho de Godoy, 105 (Centro), fone: (64) 3453-0932. 2ª e 4ª/dom 11h/22h30. Pescados.

Empadão Goiano

Além do salgado típico do estado, feito com frango desfiado, lombo de porco, linguiça, batata, azeitonas e queijo, a proprietária Tânia prepara empadões com recheios bem originais, como o de carne de sol com mandioca. R. Antonio Coelho de Godoy, 58 (Centro), fone: (64) 3453-7895. 8h/0h.

Poços de Caldas, o delicioso balneário mineiro

Poços de Caldas é uma cidade mineira que ainda preserva as construções da época dos cassinos e dos grandes bailes. Um passeio a pé pelo centro revela joias, como a Casa da Cultura, prédio com exposições, e as Termas Antônio Carlos, que mantêm na fachada o ar imponente ostentado até os anos 50. Lá, as águas sulfurosas se transformam em deliciosos banhos a 37 ºC. Na hora das compras, difícil resistir aos cristais das fábricas Cá d’Oro e São Marcos. Programas clássicos: a cachoeira Véu das Noivas e o passeio de teleférico até o morro São Domingos - a vista é inesquecível.

O que ver

Casa da Cultura (Instituto Moreira Salles)

É quase uma homenagem à cidade onde o banqueiro João Moreira Salles montou sua primeira casa bancária, em 1924. No prédio de linhas modernistas há exposições temporárias, cursos e exibições de filmes. Nos fundos, um casarão de 1894 foi todo restaurado e deu lugar a um charmoso café, onde também acontecem exposições. R. Teresópolis, 90 (Jd. dos Estados), fone: (35) 3722-2776. 3ª/dom 13h/19h.

Thermas Antônio Carlos

O complexo termal foi inaugurado em 1931 e recebeu o nome do então governador de Minas Gerais. As instalações, embora antigas, ainda estão em plena atividade e recebem principalmente idosos, que buscam as propriedades sedativa, expectorante, desinflamante e cicatrizante da água sulfurosa. Usado nos banhos de imersão (R$ 10) e pérola (com efeito de hidro, R$ 15), o líquido chega às banheiras a 37º C. No local há ainda serviços de massagem, sauna, inalação, limpeza de pele e uma curiosa sala de mecanoterapia com 28 aparelhos de fabricação alemã, datados de 1929 (e que ainda são usados em tratamentos de fisioterapia). R. Junqueiras (Centro), fone: (35) 3722-4456. 3ª/sáb 8h/12h, 16h/21h, dom 8h/12h.

Cascata Véu das Noivas

As três quedas d'água no ribeirão das Antas - a principal tem 10 m de altura e 15 m de largura - são proibidas para banho, mas dá para chegar bem pertinho pelas pedras (você também pode vê-las de cima, de um pequeno mirante).  Acesso pela av. João Pinheiro (saída p/ Águas da Prata).

Onde ficar

Estalagem do Café

Fica bem ao lado - e pertence aos mesmos proprietários - da cafeteria Sá Rosa, onde você toma o café da manhã. Outra vantagem de se hospedar aqui são os quartos: charmosos, decorados com móveis de pátina e artesanato mineiro, eles têm confortável cama-box e enxoval de boa qualidade. Fone: (35) 3721-7272. www.estalagemdocafe.com.br

Minas Garden

No Centro e pertinho das Thermas Antonio Carlos, uma das principais atrações de Poços, o hotel conta com quartos de tamanhos variados – acomodam de duas a quatro pessoas. Fone: (35) 3712-6000. www.minasgarden.com.br

Balneário

O hotel tem um clima familiar e a presença constante do proprietário, que constantemente faz novos investimentos no prédio. Os quartos têm cama-box, equipamentos novos e paredes claras; alguns têm vista para a praça dos Macacos, logo em frente. Fone: (35) 3722-2631. www.hotelbalneariopc.com.br

Onde comer

Polako

As carnes preparadas na grelha são as estrelas do cardápio. A picanha polako chega à mesa com arroz, ovo frito, cebola empanada e batata palha. Nos almoços, trabalha apenas com bufê a preço fixo. R. Rio Grande do Sul, 1172 (Centro), fone: (35) 3721-8842. 2ª 11h/14h40, 3ª/6ª 11h/14h40, 18h30/23h, sáb 11h/15h, 18h30/0h, dom 11h/15h, 18h30/23h. Variada.

Cantina do Araújo

O restaurante tem uma tradição de 50 anos na cidade. As massas predominam no cardápio e as receitas mais famosas são as que levam o fettuccine produzido na casa. R. Assis Figueiredo, 1075 (Centro), fone: (35) 3722-1015, www.cantinadoaraujo.com.br. 11h30/16h, 18h30/0h. Variada.

Katarino

Decorado com muita madeira, palha e cipó, o restaurante tem pinta de bar chique. O cardápio, contudo, não se restringe a chope e petiscos. Entre as sugestões, truta na manteiga com amêndoas, purê e arroz. R. Sta. Catarina, 681 (Centro), fone: (35) 3722-4488, www.katarino.com.br. 2ª/sáb 18h/0h, dom 12h/0h. Variada.

Águas de Lindoia e seus banhos terapêuticos

Que tal um típico destino família? Vá para Águas de Lindoia, com hotéis que investem cada vez mais no lazer e trabalham com o sistema de pensão completa (café, almoço e jantar incluídos na diária). No Balneário Municipal, um dos mais procurados do Circuito das Águas paulista, você relaxa nos banhos

e nas hidromassagens com águas que brotam do solo a 28 0C. Enquanto isso, as crianças se divertem andando a cavalo ou de jipe e conhecem o Sítio Monte Alegre, onde podem tirar leite das vacas e alimentar cabritos. Monte Sião, a 10 quilômetros, é destino para comprar malhas mais baratas.

O que ver

Balneário Municipal

O prédio já não causa mais o mesmo impacto que na década de 50. Ainda assim, continua sendo um dos balneários mais procurados do Circuito das Águas. Os serviços termais, com preços que variam de R$ 5 a R$ 50, incluem banhos de imersão, hidromassagem, banho de stanger (em banheira com placas de carvão e corrente elétrica), inalação e ducha escocesa. Nas piscinas, no toboágua e no tobogã (R$ 10), as crianças é que fazem festa - o público mais velho prefere contemplar o jardim. Não esqueça de levar uma garrafinha vazia para enchê-la com água mineral (com propriedades medicinais) na fonte local. Pça. Francisco Tozzi (Centro), fone: (19) 3824-1435. 3ª/dom 9h/17h (piscinas); 3ª/dom 7h/12h30 (banhos).

Passeio de jipe

Há mais de 10 anos o jipeiro Marquinhos faz passeios pela região. Os principais roteiros: o ecológico, que vai até o mirante Morro Pelado, passa pelas montanhas e tem um visual lindo (R$ 160 para até quatro pessoas, duração de 1h30); o off-road, que atravessa fazendas de café, passa por uma cachoeira e acaba no Morro Pelado (R$ 240 para até quatro pessoas, duração de 2h30); e o passeio radical, feito em jipe menor, que passa por mata fechada, pedras e trilhas - aqui você corre o risco de ter que ajudar a desatolar o jipe (R$ 285 para até 3 pessoas, duração de 2h30). Em todos os trajetos, Marquinhos dá explicações sobre a topografia, fauna e flora da região. O jipeiro fica estacionado na praça Adhemar de Barros (Centro), fone: (19) 9742-7474.

Sítio Monte Alegre

As crianças ficam malucas ao ordenhar as vacas e alimentar os cabritos do sítio. Menos bucólicos, os passeios a cavalo (40', R$ 10) e a tirolesa operada pela Kango Jango (R$ 10), que tem base aqui, também fazem sucesso. Um brunch com pães, bolos, iogurte, queijos e doces feitos no local (R$ 12, 8h/15h) pode encerrar o programa - aos domingos há almoço caipira, servido no fogão a lenha (R$ 18). Estr. p/ Monte Sião, km 6,5, fone: (19) 3824-7698. Sáb/dom 8h/18h.

Onde ficar

Zanon

Bem pertinho do Centro e, mesmo assim, num lugar tranquilo. Os quartos, amplos, têm antessala com bicama e acomodam até quatro pessoas; da varanda, vista para as montanhas e para a piscina do hotel. A pedida para as crianças é o toboágua ou as brincadeiras com a equipe de recreação. Fone: (19) 3824-3000. www.hotelzanon.com.br

Casablanca

Numa das avenidas mais movimentadas da cidade e pertinho da praça principal de Águas de Lindoia, o hotel conta com quartos bem-mantidos e equipados com cama-box, frigobar e TV. Algumas unidades foram repaginadas recentemente e ganharam decoração mais leve, móveis claros e enxoval mais caprichado. Fone: (19) 3824-2001. www.hotelcasablanca.com.br

Fredy

O moderno lobby quase não mostra sinais dos mais de 40 anos de funcionamento do hotel. Os proprietários, sempre presentes, investem com frequência na atualização dos ambientes. Alguns quartos, mais espaçosos, ficam num anexo a 100 metros do prédio principal e contam com varanda e garagem privativa. Fone: (19) 3824-1504. www.hotelfredy.com.br

Onde comer

Chic Chop III

Tem o cardápio mais completo entre as três unidades da marca. A picanha na pedra chega à mesa acompanhada de arroz, fritas e vinagrete (serve duas pessoas). Nos fins de semana há música ao vivo. R. Rio de Janeiro, 403 (Centro), fone: (19) 3824-5120. 3ª/4ª 11h/16h, 5ª/sáb 11h/0h, dom 11h/18h. Variada. Chic Chop III

Sapore d'Italia

Nas noites de sexta, há rodízio de pizzas e, nas de sábado, festival de massas em bufê. Uma das sugestões do cardápio é o cabrito, que deve ser pedido com antecedência. R. São Paulo, 862 (Centro), fone: (19) 3824-6321. 3ª/5ª 11h/15h30, 19h/23h30, 6ª/sáb 11h/15h30, 19h/1h, dom 11h/15h30, 19h/23h30. Variada.

Esses roteiros são indicados pelo Guia Quatro Rodas

* Preços pesquisados em julho/2010

veja também