Webjet tem 3º dia de problemas e cancela 58% dos voos

Webjet tem 3º dia de problemas e cancela 58% dos voos

Atualizado: Quarta-feira, 29 Setembro de 2010 as 2:50

A Webjet registrava 58,6% de voos cancelados até as 9 horas desta quarta-feira, segundo boletim da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). Das 29 partidas previstas no País, 17 (58,6%) foram canceladas e 3 (10,3%) registraram atrasos de mais de 30 minutos. Esse é o terceiro dia consecutivo em que a companhia aérea tem cancelamentos e atrasos acima da média.

A empresa informou que os voos já estavam previamente cancelados e que "os passageiros foram reacomodados em aeronaves da Webjet e de outras empresas". A companhia afirmou que os cancelamentos e atrasos causados desde segunda-feira são reflexos do forte crescimento da demanda de passageiros em setembro e da redução no número de voos para cumprir a lei 7.183, que regula os limites de trabalho dos aeronautas.

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) decidiu suspender a venda de bilhetes da companhia para voos programados até sexta-feira, data em que a empresa espera ter a situação normalizada. Caso a Webjet não ajuste a escala, o prazo da Anac pode ser estendido.

A Webjet registrava 58,6% de voos cancelados até as 9 horas desta quarta-feira, segundo boletim da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). Das 29 partidas previstas no País, 17 (58,6%) foram canceladas e 3 (10,3%) registraram atrasos de mais de 30 minutos. Esse é o terceiro dia consecutivo em que a companhia aérea tem cancelamentos e atrasos acima da média.

A empresa informou que os voos já estavam previamente cancelados e que "os passageiros foram reacomodados em aeronaves da Webjet e de outras empresas". A companhia afirmou que os cancelamentos e atrasos causados desde segunda-feira são reflexos do forte crescimento da demanda de passageiros em setembro e da redução no número de voos para cumprir a lei 7.183, que regula os limites de trabalho dos aeronautas.

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) decidiu suspender a venda de bilhetes da companhia para voos programados até sexta-feira, data em que a empresa espera ter a situação normalizada. Caso a Webjet não ajuste a escala, o prazo da Anac pode ser estendido.

veja também