MENU

Recebi um convite para falar sobre “Esperança e Fé”

Precisamos entender que grande parte do sofrimento humano provém da desesperança.

fonte: Guiame, Darci Lourenção

Atualizado: Quinta-feira, 6 Agosto de 2020 as 3:58

(Foto: Crosswalk)
(Foto: Crosswalk)

Você já pensou que a grande maioria das circunstâncias se repetem nas histórias de vida das pessoas em geral? Os mesmos fatos para algumas é uma ponte para travessia para o outro lado, para outro momento – reescrevem a história, ressignificam os fatos.

No entanto, para outras pessoas é um fim de mundo, um “Deus nos acuda"! Não é bem assim? Diante disso, proponho a você pensar: Com que ouvido você ouve? Com esperança ou desespero? Como você é?
É desconfiado(a)?  Como você vê a esperança? O sofrimento começou com esta pandemia?

Bem, precisamos entender que grande parte do sofrimento humano provém da desesperança.

Viver sem esperança, sem achar que amanhã será melhor, que a sorte pode mudar a cada momento e tudo se tornará em momentos felizes e diferentes, é como viver sem água, sem luz, sem teto, sem abraço...

A vida sem esperança se torna num castigo e não numa vitória. Por isso é importante manter a esperança em todas as etapas de nossas vidas.

A esperança é como um banco onde nos assentamos aguardando a manifestação da fé.

A esperança tem o poder de estabilizar nossa vida, qualquer que seja o momento pelo qual estejamos passando, pode ser usada em qualquer ocasião.

A esperança tem um poder curativo, sendo capaz de trazer mais felicidade e bem-estar às nossas vidas. Sua ausência pode levar a estados de doenças e desfalecimento do coração, deixando-o fraco e à mercê da tristeza e da amargura. Já, a esperança traz alegria (Romanos 12:12).

A esperança que se adia faz adoecer o coração.

A fé remove montanhas? Você entende assim? Com que ouvido você ouve?

Olha que tremendo: Jeremias, o profeta, esteve no cárcere. E lá manifestou um desejo de sua alma: “Quero trazer à memória o que pode me dar esperança” (Lamentações 3:21).

Quando falamos de alma é importante nos lembrarmos do livre-arbítrio. Lembrarmos do poder de escolha. Escolha viver com fé. Alimente sua esperança. Se você se interessar poderemos voltar a falar, nos aprofundando no desenvolvimento conceitual do que é a esperança.

A fé é uma arma de vitória para vencer o mundo. O mundo traz os seus abismos, a fé acalma o mar. Outro aspecto importante: “Sem fé é impossível agradar a Deus” (Hebreus 11:6).

Não chegamos a lugar algum com flagelos, autopiedade, medo. O que nos leva a um lugar de refrigério é a fé em Jesus. Leia comigo agora: “Porque há esperança para a árvore que, se for cortada, ainda se renovará, e não cessarão os seus renovos. Ao cheiro das águas brotará” (Jó 14:7-9).
Floresça!

Por Darci Lourenção, psicóloga, pastora, coach, escritora e conferencista. Foi Deã e Professora de Aconselhamento Cristão. Autora dos livros “Na intimidade há cura”, “A equação do amor” e “Viva sem compulsão”.

* O conteúdo do texto acima é de colaboração voluntária, seu teor é de total responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal Guiame.

Leia o artigo anterior: Os 7 Espíritos de Deus

veja também