Purim: a festa profética para o Brasil

Juntos estaremos orando pela mudança de nossa sorte na “Festa de Purim” e nos humilhando diante do Senhor para que o principado da mentira e da corrupção caiam e a nossa Nação seja liberta.

Fonte: Guiame, Joel EngelAtualizado: quarta-feira, 23 de março de 2016 19:49
Das ruas vem um grito de socorro que sai dos corações dos brasileiros.
Das ruas vem um grito de socorro que sai dos corações dos brasileiros.

"Se posso contar com o favor do rei, e se isto lhe agrada, poupe a minha vida e a vida do meu povo; este é o meu pedido e o meu desejo. Pois eu e meu povo fomos vendidos para destruição, morte e aniquilação. Se apenas tivéssemos sido vendidos como escravos e escravas, eu teria ficado em silêncio, porque nenhuma aflição como essa justificaria perturbar o rei". Ester 7:3,4.

De 23 a 25 de março, a Igreja de Cristo está convocada para jejuar e orar pela Redenção da Nação. Todas as Igrejas que acreditam com um Brasil rendido aos pés de Jesus e livre da corrupção, devem estar em oração do dia 23 até o dia 25 de março, em jejum e oração pela Nação Brasileira.

Juntos estaremos orando pela mudança de nossa sorte na “Festa de Purim” e nos humilhando diante do Senhor para que o principado da mentira e da corrupção caiam e a nossa Nação seja liberta.

“A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.” (Tiago 5:16)

Os Atos Proféticos vão demarcar nossas conquistas no mundo espiritual, manifestando um poder sobrenatural para que possamos ter mais êxito na oração e na ação. Cada Igreja, nos turnos de oração, orientará seus fiéis ou cobertura para gerarmos em 72 horas de clamor pelo avivamento da mudança. Todas as igrejas visionárias estão conosco, centenas de denominações e outras nações clamando também pelo Brasil.

O clamor por mudança tem tocado a muitos líderes, pastores, verdadeiramente em busca do avivamento. De norte a sul o Brasil eles têm se levantado em oração. Este é o nosso momento.

Quando Mardoqueu recebeu a resposta de Ester, mandou dizer-lhe: "Não pense que pelo fato de estar no palácio do rei, de todos os judeus só você escapará, pois, se você ficar calada nesta hora, socorro e livramento surgirão de outra parte para os judeus, mas você e a família de seu pai morrerão. Quem sabe se não foi para um momento como este que você chegou à posição de rainha?".

Então Ester mandou esta resposta a Mardoqueu:

"Vá reunir todos os judeus que estão em Susã, e jejuem em meu favor. Não comam nem bebam durante três dias e três noites. Eu e minhas criadas jejuaremos como vocês. Depois disso irei ao rei, ainda que seja contra a lei. Se eu tiver que morrer, morrerei". Ester 4:12-16

Aos Pastores
Orientem seus rebanhos para se posicionarem estrategicamente pela nação. Use as mídias sociais para revelar o maligno plano arquitetado contra a nossa nação e denuncie, convoque os guerreiros que estão sob a sua cobertura.

Das ruas vem um grito de socorro que sai dos corações dos brasileiros:

“A Palavra de Deus traz a resposta no Salmo 121: ‘O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra’. Deus é o nosso socorro e para que atentássemos para o socorro do Alto, Ele enviou Seu Messias, o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo, Jesus”.

Vale lembrar que antes da instituição da Páscoa, lá no Egito, o povo hebreu clamou ao Senhor por vários dias.

Antes de fazer sua travessia no deserto, rumo à terra prometida, os hebreus imolaram o cordeiro e passaram o sangue nos umbrais das portas, como marca de proteção para os primogênitos e a família.

“Quem não tinha a marca do sangue e a pureza do cordeiro imaculado, a morte e o juízo vinham sobre eles. A nossa nação está precisando ser banhada no vermelho diferente agora, o vermelho do sangue de Jesus, o vermelho do sangue que nos purifica, nos limpa e nos lava. Nenhum outro vermelho vai redimir a nação brasileira, senão o da bandeira do sangue do Cordeiro, do sangue de Jesus, através daqueles que são Seus discípulos, marcados pelo Seu amor, essência e caráter”.

Repudiamos a corrupção, os escândalos que estão por aí, independentemente do nome ou do partido, são um atentado ao espírito cristão e à legitimidade cristã, pois Jesus morreu com as mãos abertas para todos verem que não havia corrupção e nada que O prendesse.

Desde o início do ano temos levantado torres de oração 24/7, no modelo do Tabernáculo de Davi e clamamos para que Deus sare nossa terra e nos dê um avivamento.

Levante uma torre de oração aí na sua cidade e clame ao Senhor:

Que o sangue de Jesus nos limpe e nos lave, e que Deus tenha misericórdia de nós! Que o vermelho do sangue de Jesus cubra a nossa nação, transformando a nossa esperança em um Brasil realmente melhor!”.

Profetas do Sul e do norte, e tantos outros que tem se levantado para clamar por uma transformação em nossa nação, Não fiquem de fora!

“... Quem sabe se não foi para um momento como este que você chegou à posição de rainha?” Ester 4:14

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições