MENU

Israel

Israel enviará hospital de campanha para atender refugiados da Ucrânia

A missão contará com pronto-socorro, sala de parto e recursos de imagem para atender refugiados no oeste do país.

Fonte: Guiame, com informações de Jewish News SyndicateAtualizado: terça-feira, 15 de março de 2022 16:54
Israel prepara um hospital de campanha que será transportado à Ucrânia. (Foto: Sheba Medical Center).
Israel prepara um hospital de campanha que será transportado à Ucrânia. (Foto: Sheba Medical Center).

Na segunda-feira (14), Israel anunciou que enviará um hospital de campanha para a Ucrânia, para ajudar no atendimento médico de refugiados internos que fogem para a região oeste do país.

De acordo com o Ministério das Relações Exteriores de Israel, a missão humanitária durará um mês e foi apelidada de “Kochav Meir”, que significa “Estrela Brilhante” em hebraico. 

O hospital de emergência contará com pronto-socorro, sala de parto e departamentos para tratamento de crianças, mulheres e homens. Além disso, terá recursos de imagem (raio-x) e laboratório, que funcionará com o apoio remoto do Sheba Medical Center em Israel.

A operação, que vai custar 6,4 milhões de dólares, será liderada pelo Ministério das Relações Exteriores e Ministério da Saúde do país e operada por uma equipe médica do sistema de saúde israelense.

Desde que a invasão russa na Ucrânia começou, o Estado de Israel tem se preparado para receber e ajudar milhares de judeus ucranianos que fogem da guerra. No início deste mês, 300 imigrantes foram resgatados e chegaram a Israel, incluindo 100 órfãos.

Em fevereiro, também houve um resgate de emergência secreto de judeus, planejado pelo governo israelense. 

No último sábado (12), o presidente ucraniano Volodymyr Zelensky sugeriu que Jerusalém seja o local das negociações de paz entre Ucrânia e Rússia, durante uma coletiva de imprensa especial em Kiev.

Em suas declarações, Zelensky, que é judeu, reforçou que Israel pode fornecer garantias de segurança para a Ucrânia e espera que o primeiro-ministro israelense, Naftali Bennett, tenha uma influência positiva nas negociações.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições