Joel Engel pede perdão às autoridades de Israel pela postura do Brasil na ONU

Em encontro com autoridades de Israel, o conferencista destacou que a sociedade brasileira respeita e apoia o Estado.

fonte: Guiame

Atualizado: Quarta-feira, 28 Março de 2018 as 8:37

Ministro das Comunicações de Israel, Ayoub Kara, ao lado do conferencista e escritor Joel Engel. (Foto: Joel Engel)
Ministro das Comunicações de Israel, Ayoub Kara, ao lado do conferencista e escritor Joel Engel. (Foto: Joel Engel)

Durante um encontro com o Ministro das Comunicações de Israel, Ayoub Kara, o conferencista e escritor Joel Engel pediu perdão pela postura dos governantes brasileiros em relação ao Estado.

Na ocasião, Engel enfatizou que a posição do governo não reflete a opinião da sociedade brasileira, que sempre teve amor e respeito por Israel. O pedido de perdão se deve a uma série de resoluções impostas pela Organização das Nações Unidas (ONU) contra Israel com apoio do Brasil.

No fim do ano passado, a Assembleia Geral da ONU aprovou nove medidas contra Israel. O Brasil apoiou todas elas, acompanhando o voto dos países muçulmanos e prejudicando o Estado.

Engel lembrou ao ministro que os brasileiro têm buscado um líder que represente seus interesses em relação à política externa do país e que os últimos governos têm contrariado a vontade do povo em relação à unidade com Israel.

Ayoub Kara, que é um dos braços fortes do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, disse que a cooperação entre Brasil e Israel é muito importante e que este relacionamento deve ser fortalecido, agradecendo a postura de Engel.


Joel Engel cumprimentando Gilad Sharon, filho do 11º primeiro-ministro de Israel. (Foto: Joel Engel)

Joel Engel está em passagem por Israel para a gravação de documentários e cumprimento de outros compromissos. Ele chegou a participar de uma singela comemoração pelo aniversário da filha do ministro, quando foi surpreendido pelo convite para a Festa de Páscoa, juntamente com os integrantes do governo israelense.

O ministro recebeu do escritor um exemplar do livro “O Ano do Jubileu” e o convite para visitar o Brasil, a fim de participar de uma das conferências internacionais realizadas anualmente no Rio Grande do Sul.

Ayoub Kara expressou o desejo de visitar o Brasil e enviou uma mensagem aos brasileiros: “Para mim é um prazer ter essa oportunidade dizer que Israel apoia muito o Brasil, como também o Brasil apoia Israel”.

“Israel e o Brasil andarão juntos nesta jornada. A cooperação entre os dois Estados é muito importante para nós e com certeza faremos o melhor para criar um relacionamento ainda mais forte. Que Deus abençoe o Brasil e Israel”, concluiu Kara.

Joel Engel também se encontrou com o prefeito da cidade de Haifa, Moshe Kahlon, que o entregou uma bandeira da cidade e agradeceu ao conferencista internacional pelo carinho que tem pelo povo de Israel e pela cidade de Haifa.


Prefeito de Haifa, Moshe Kahlon, entregou uma bandeira da cidade a Engel. (Foto: Joel Engel)

Entre as autoridades que cumprimentaram Joel Engel, estava Gilad Sharon, filho de Ariel Sharon, 11º primeiro-ministro de Israel, e o deputado Yaron Mazuz, que têm fortes ligações com Netanyahu.

Não é a primeira vez que Joel Engel é recebido por autoridades de Israel. Em 2006, o líder brasileiro recebeu o título de Embaixador de Israel, entregue por Raphael Ben Hur, na época Ministro do Turismo em Israel. Ele foi nomeado por sua influência em atrair turistas para a Terra Santa.

Engel já lançou também quatro livros em Israel, sendo o mais importante “O Ano do Jubileu”, publicado em hebraico em 2006. Em 2012 ele lançou o livro “A Unção de Elias” e em 2015 o novo livro sobre “O Ano do Jubileu”.

veja também