Escola é julgada como "inadequada" por ensinar o criacionismo em aulas de ciência

A escola defende que Jesus deve estar no centro de toda a aprendizagem dos alunos.

fonte: Guiame, com informações do Christian Today

Atualizado: Quinta-feira, 15 Fevereiro de 2018 as 12:58

O relatório foi criado por um departamento do governo do Reino Unido que define os padrões de qualidade do ensino na Inglaterra. (Foto: Kings Kids).
O relatório foi criado por um departamento do governo do Reino Unido que define os padrões de qualidade do ensino na Inglaterra. (Foto: Kings Kids).

Uma escola cristã que ensina o criacionismo em aulas de ciência foi julgada "inadequada" em um relatório crítico da Office for Standards in Education (Ofsted, departamento não ministerial do governo do Reino Unido que define os padrões de qualidade do ensino na Inglaterra).

A inspeção escolar encontrou a escola educacional Kings Kids Christian em New Cross, que fica ao leste de Londres.

Segundo o documento, a escola ensina a história contida em Gênesis nas aulas de ciência e afirma não haver evidências de que os alunos aprendem sobre a evolução. O texto ainda diz que as crianças não conhecem outras religiões, o que significa que estão “mal equipadas para a vida britânica moderna”.

“A qualidade do ensino é fraca”, acrescentou a Ofsted sobre o currículo classificado como “inadequado”, onde a escola diz ser estabelecido em princípios bíblicos.

"Os alunos não estudam ciência prática ou desenvolvem habilidades para coletar e avaliar evidências científicas", afirmou o relatório dos inspetores publicado no início deste mês. "A história da criação é ensinada na ciência e não há evidências de que os alunos aprendam teorias científicas sobre a origem da Terra".

História cristã

As matérias de humanas como História também receberam observações porque se concentram na história cristã americana vista através da vida dos missionários, acrescentou o relatório. "Os alunos estudam assuntos humanos e sociais ligados às histórias da Bíblia, à vida dos missionários cristãos e à história dos Estados Unidos da América", afirmou.

"Os alunos não sabem o suficiente sobre outras religiões, culturas e diferentes grupos de pessoas com toda a gama de características", afirmou o relatório. "Isto significa que os alunos não estão bem preparados para a vida na sociedade britânica moderna como poderiam estar".

A escola enfatizou sua influência cristã ao dizer: "Jesus deve estar no centro de toda a aprendizagem". O site oficial informa que o modelo da escola é baseado no programa School of Tomorrow da ACE (Accelerated Christian Education).

Falsa ciência

Christiano Neto, cientista cristão que fundou a Associação Brasileira de Pesquisa da Criação em 1979, disse que a teoria da evolução é uma falsa ciência. “Às vezes, as pessoas ficam pensando que o Evolucionismo produz ateus. Não é bem assim. Ele macula essa ideia de Deus como um ser extraordinário que criou os céus e a terra e é dono disso tudo e que por isso nos coloca certas regras, porque tem um propósito nessa criação toda. E então, essa relação é que fica transtornada”, disse ele.

veja também