Policiais podem ser processados por gravarem clipe de "Deus Não Está Morto"

Apesar da ameaça de processo, o chefe de polícia disse que a reação do grupo ateísta está dando ainda mais visibilidade ao vídeo com a mensagem bíblica.

fonte: Guiame, com informações do Faith Wire

Atualizado: Quarta-feira, 25 Julho de 2018 as 9:29

Oficiais do Departamento de Polícia de Crandall, no Texas, gravaram um clipe com a trilha sonora de 'Deus Não Está Morto'. (Imagem: Facebook)
Oficiais do Departamento de Polícia de Crandall, no Texas, gravaram um clipe com a trilha sonora de 'Deus Não Está Morto'. (Imagem: Facebook)

Quando o chefe do Departamento de Polícia de uma cidade do Texas (EUA), Dean Winters, decidiu produzir um vídeo de dublagem da trilha sonora do filme "Deus Não Está Morto" ("God's Not Dead") junto com seus colegas oficiais, ele nunca imaginou que iria viralizar nas mídias sociais, ganhando aplausos de milhões de internautas e o ódio de outros, como no caso de um grupo de ateus.

O vídeo publicado na página oficial do Departamento de Polícia de Crandall no Facebook se tornou viral, conquistando 8 milhões de visualizações e mais de 200 mil compartilhamentos no em menos de duas semanas. Enquanto a maior parte da reação foi positiva, a publicação também ganhou a atenção da organização ateísta 'Freedom from Religion Foundation' (FFRF).

A organização divulgou um comunicado na publicação do vídeo, alegando que o post viola a Constituição dos EUA e instando o departamento do Texas a retirá-lo do ar. "A FFRF está pedindo ao Departamento de Polícia de Crandall que se abstenha de promover a religião nas mídias sociais e retire seu vídeo em homenagem às crenças religiosas pessoais de alguns de seus oficiais", diz o comunicado.

Confira o clipe, clicando abaixo:

Efeito reverso

O chefe Winters, no entanto, não parecia estar muito preocupado com a pequena quantidade de reação negativa. "É claro que há sempre difamadores. Mas neste caso, um pouco de escuridão está fazendo a luz de Deus brilhar ainda mais", disse ele em um e-mail para o site da Pure Flix, produtora do filme Deus Não Está Morto.

"Nossa comunidade se reuniu e postou fotos e vídeos em apoio ao clipe do departamento de polícia com a música 'God's Not Dead'. Também recebemos inúmeros e-mails e cartas de cidadãos e funcionários de todo o país e de pessoas de outros países, expressando sua gratidão aos funcionários de nosso departamento", acrescentou o chefe de polícia.

Winters também aproveitou a oportunidade para discutir sua fé cristã, explicando que "aumenta" sua capacidade de realizar suas tarefas de policiamento. “Minha fé em Jesus me dá forças para lidar com tantos aspectos diferentes da vida”, explicou o oficial. "Em primeiro lugar, no meu papel mais importante como marido e pai, mas também no meu papel como oficial e chefe de polícia."

"Eu não acredito que a fé interfira na capacidade de servir, mas sim a aumenta", disse ele.

Winters observou que há muitas pessoas de fé atualmente servindo suas comunidades locais como policiais. "Embora muitas vezes não seja falado, há muitos oficiais que são homens e mulheres de fé", disse ele. "É emocionante ver como Deus pegou algo tão simples e transformou-o em algo tão significativo em uma capacidade muito maior do que qualquer um de nós poderia imaginar".

A PureFlix ficou tão impressionada com o clipe gravado pelo departamento que decidiu entregar às pessoas de Crandall um presente especial: uma assinatura gratuita de três meses para 100 residentes.

veja também