Homem diz que deixou homossexualidade quando orou para “morrer para si mesmo”

Nova vida de Brian Wheelock foi testemunhada por ele na Marcha da Liberdade, que reuniu ex-homossexuais em Washington D.C.

fonte: Guiame, com informações do Christian Institute

Atualizado: Quarta-feira, 5 Junho de 2019 as 10:07

Brian Wheelock e sua esposa. (Foto: Reprodução/Christian Institute)
Brian Wheelock e sua esposa. (Foto: Reprodução/Christian Institute)

Falando para uma multidão de ex-homossexuais e transgêneros na Marcha da Liberdade realizada em Washington D.C. no final de maio, Brian Wheelock explicou como ele acreditava que sua identidade estava ligada à sua sexualidade.

Wheelock disse à multidão: “Eu vivi essa vida por pelo menos dez anos, e foi uma época louca na minha vida. Esses sentimentos eram reais. Passei muito tempo em relacionamentos e [vivendo conforme] minha identidade.”

O homem contou que nova vida é fruto da fé em Deus. Ele disse que depois de se render a Deus, ele se comprometeu a colocar Cristo em primeiro lugar em sua vida.

“Eu não orei em nome de Jesus para que ele me fizesse [uma pessoa] correta, eu orei para que eu morresse para mim mesmo e me tornasse um seguidor de Jesus Cristo”, explicou.

Em seu testemunho como ex-homossexual, Wheelock disse que acredita ser “livre, vivendo essa vida”, mas acrescentou que “quanto mais imerso naquela vida”, mais vazio se sentia.

Wheelock contou que aquele vazio logo se transformou em uma “depressão porque eu simplesmente não estava preenchido.”

Palavra de Deus

O início da mudança aconteceu em sua vida quando ele se mudou para a Irlanda por um ano.

Wheelock disse que começou a perceber que sua vida estava saindo do “fundo do poço”, mas gradualmente sentiu que isso não era o que Deus queria para ele. Precisava de mais comprometimento com sua nova condição de vida.

“Senti que Deus estava me dizendo ‘Brian, isso não é o meu melhor para você. E eu tenho o melhor para você’”, lembra.

Voltando aos EUA, ele encontrou uma igreja para congregar. “Eu fui a uma igreja e comecei a ouvir a palavra de Deus, e a palavra de Deus começou a me mudar de dentro para fora”.

Apesar disso, Wheelock disse que continuava lutando com seus sentimentos e sua atração pelo mesmo sexo, e pediu orientação a Deus.

Assim, Wheelock se sentiu levado a escrever uma aliança com Deus, prometendo não nutrir pensamentos pecaminosos. Ele leria e assinaria o termo duas vezes por dia.

Esposa e filhos

Wheelock conheceu Pam e eles começaram um relacionamento juntos. Antes de pedir que ela se casasse com ele, contou a verdade sobre seu passado.

Ela respondeu que ambos tinham um passado de que não se orgulhavam, mas que ela podia ver o homem de Deus que ele se tornaria e o modo como Deus estava trabalhando em sua vida.

Brian Wheelock agora vive uma nova vida junto com Pam, com quem construiu uma família. Eles se casaram e têm três filhos juntos, Jillian, Katelyn e Molly. 

veja também