Igreja na Argentina simula bar em protesto contra flexibilização desigual do isolamento

Uma igreja na Argentina reabriu como um bar em forma de protesto contra as restrições aos cultos presenciais.

fonte: Guiame, com informações do The Guardian

Atualizado: Segunda-feira, 15 Junho de 2020 as 2:58

Igreja na Argentina simulou bar em protesto contra as restrições aos cultos presenciais. (Foto: Twitter)
Igreja na Argentina simulou bar em protesto contra as restrições aos cultos presenciais. (Foto: Twitter)

Uma igreja evangélica na Argentina reabriu como um bar em protesto contra o bloqueio de cultos religiosos que continua em vigor, apesar da abertura gradual de outras atividades em todo o país.

Mesas de bar foram colocadas dentro da igreja e pastores vestidos como garçons carregavam Bíblias em suas bandejas, como parte de um pedido para a permissão de cultos presenciais durante o isolamento social do coronavírus na Argentina.

“Estamos aqui hoje, vestidos dessa maneira, carregando uma bandeja, porque parece que essa é a única maneira de servirmos a palavra de Deus”, disse o pastor Daniel Cattaneo, vestido de garçom, ao abrir o “worship bar” na igreja Comunidad Redentor na cidade de San Lorenzo, na província de Santa Fe.

“Queremos exercer nosso direito constitucional de praticar nossa fé”, disse Cattaneo à imprensa local sobre o evento realizado na última quarta-feira (10). “Bares podem abrir, lojas podem abrir, por que eles estão nos discriminando?”

Embora o coronavírus continue se espalhando rapidamente na capital Buenos Aires e cidades arredores, o resto do país encontra-se relativamente livre da Covid-19.

A província de Santa Fe, onde está localizada Comunidad Redentor, conseguiu conter o vírus e começou a reabrir atividades, incluindo bares. As igrejas, no entanto, podem funcionar com no máximo 10 pessoas por culto.

Desde segunda-feira passada (8), os bares e restaurantes em Santa Fe têm permissão para abrir das 7h às 23h, com capacidade de até 30% e devem manter um registro de todos os clientes, caso algum deles seja positivo.

Cattaneo está considerando outras alternativas para evitar a proibição. Um culto drive-in foi anunciado para domingo em um espaço aberto perto da igreja. "Imagens de cerca de 400 veículos, todos devidamente estacionados, ouvindo a palavra do pastor Daniel Cattaneo. O governador de Santa Fe, Omar Perotti, continua sem dar respostas à igreja", disse no Twitter o jornalista Pablo Gato Gavira.

A Argentina registra 31.577 casos confirmados de Covid-19 e 842 mortes até esta segunda-feira (15). O país teve mais sucesso na luta contra o coronavírus do que seus vizinhos, Brasil e Chile, com mais de 873 mil e 179 mil casos, respectivamente.

veja também