Pastor mexicano é baleado e morto durante o culto

Crime choca os membros da igreja que imobilizam o assassino e o entregam às autoridades.

fonte: Guiame, com informações do Premier

Atualizado: Terça-feira, 20 Agosto de 2019 as 10:04

O pastor Alfrery Líctor Cruz Canseco foi morto na igreja. (Foto: Reprodução/NVI Notícias)
O pastor Alfrery Líctor Cruz Canseco foi morto na igreja. (Foto: Reprodução/NVI Notícias)

O pastor Alfrery Líctor Cruz Canseco estava no púlpito da Igreja da Fraternidade Cristã no município de Tlalixtac de Cabrera no domingo (18), quando foi baleado à queima-roupa.

De acordo com a organização cristã de direitos humanos CSW (Christian Solidarity Worldwide), o agressor tentou escapar, mas foi impedido de fazê-lo por membros da congregação, que o entregaram às autoridades.

O pastor Cruz Canseco faleceu devido aos ferimentos a caminho do hospital.

O motivo do assassinato é desconhecido, mas acontece em meio a uma série de ataques violentos contra líderes religiosos no México, incluindo o desaparecimento do pastor Aarón Méndez Ruiz no dia 3 de agosto.

"O fato de ele ter sido alvo no púlpito é particularmente chocante. Também continuamos preocupados com o bem-estar do Pastor Méndez Ruiz e pedimos ao governo mexicano que não poupasse esforços para garantir seu retorno seguro desses crimes e processar os responsáveis", disse o chefe-executivo da CSW, Mervyn Thomas.

A instituição pediu que o governo mexicano desenvolva estratégias para apoiar todos os líderes religiosos que estão sob ameaça, já que "muitos grupos criminosos veem os líderes da igreja e sua influência como uma ameaça ao seu poder".

Thomas acrescentou que "o governo deve reconhecer o papel que os líderes religiosos desempenham, não apenas como líderes de suas igrejas, mas também como vozes pela paz, justiça e integridade, e defensores dos direitos humanos, e lhes proporcionam maior proteção".

veja também