MENU

Aberta a temporada de caça a estagiários e trainees

Aberta a temporada de caça a estagiários e trainees

Atualizado: Quarta-feira, 19 Agosto de 2009 as 12

Se você estuda e procura uma oportunidade para ingressar no mercado de trabalho, aproveite: segundo dados da Abres (Associação Brasileira de Estágios), a partir do segundo semestre de 2009 serão abertas 45 mil novas vagas de estágio. Embora o número seja 18% menor se comparado ao mesmo período do ano passado, quando foram criadas 55 mil oportunidades, a entidade acredita que o volume de vagas é um sinal da reação do setor, que foi atingido pela crise econômica no início deste ano. "Ano passado, o Brasil vivia um grande momento econômico, com aumento significativo do PIB (Produto Interno Bruto). A tensão na economia externa, no entanto, acabou freando esse crescimento, o que também afetou o setor de estágios", explica o presidente da Abres, Seme Arone Júnior.

O Superintendente de Atendimento da Grande São Paulo do CIEE (Centro de Integração Empresa-Escola), Celso Luiz Dutra, acredita que as vagas de estágios perdidas por conta da crise serão recuperadas em curto prazo. "O cenário indica que já no último trimestre de 2009 começaremos a colher os frutos da reação", ressalta. Ele, no entanto, acredita que os estudantes não devem esperar pela mudança. "É preciso aproveitar as oportunidades dessa temporada, que é promissora. Além da reposição das vagas não preenchidas no meio do ano, muitas empresas começam a se preparar para a contratação de estagiários e trainees para 2010", relata Dutra.

A antecipação das empresas é justificada por Arone Júnior. "Da candidatura até a contratação o processo dura, em média, quatro meses. Só o período de inscrição dura de 30 a 60 dias. Isso para dar visibilidade à empresa e aumentar as probabilidades de seleção dos melhores estudantes", descreve. Apesar de cada empresa adotar táticas próprias de seleção, os processos seletivos, em geral, incluem testes on-line e presenciais, dinâmicas de grupo, estudos de caso e entrevistas pessoas.

As vagas disponíveis, de acordo com Dutra, abrangem todas as áreas do conhecimento. "Há, no entanto, maior concentração de oportunidades nas áreas de Exatas e Humanas, principalmente nos cursos de Administração, Contabilidade, Direito, Tecnologia da Informação e Engenharia", enfatiza o superintendente do CIEE. Arone Júnior também acrescenta os segmentos da Comunicação Social na lista das áreas com maior oferta.

Preparação do estudante

Para concorrer a uma das oportunidades os estudantes devem estar regulamente matriculados em uma instituição de Ensino Superior e, preferencialmente, estar cursando os dois últimos anos da graduação. "Há algumas empresas que contratam estudantes dos primeiros anos, mas as oportunidades são mais restritas", enfatiza o presidente da Abres, que sugere que mesmo quem esteja no primeiro ou no segundo ano se inscreva para os processos seletivos. "Ainda que não sejam convocados para a entrevista, terão a oportunidade de participar dos testes on-line e de se preparar para os próximos processos seletivos", orienta.

Os outros pré-requisitos exigidos pelas empresas são divididos em duas categorias por Arone: habilidades e competências. De um lado, a fluência no português, o domínio da informática, o raciocínio lógico e os conhecimentos de um idioma estrangeiro. Do outro, comunicação eficaz, trabalho em equipe, foco em resultado, iniciativa, pró-atividade e organização. "Um conjunto de aptidões que é avaliado e cobrado nos processos seletivos de estágios", enfatiza. A exigência para os candidatos às vagas de trainees é ainda maior. Em geral, pede-se também fluência em outra língua, além de disponibilidade para viagens nacionais e internacionais.

Os benefícios oferecidos aos aprovados variam de acordo com a empresa e com o ano que o estudante está cursando. Mas, segundo estudo da Abres, a média salarial dos estagiários de nível superior no Brasil é de R$ 805,84. A lei de estágio garante vale transporte, seguro de vida e férias proporcionais. Há empresas, no entanto, que oferecem também alimentação e plano de saúde. Os salários para trainees podem chegar a R$ 3 mil.

veja também