MENU

AGU recorre de decisão da Justiça sobre bônus na nota da UFPE

AGU recorre de decisão da Justiça sobre bônus na nota da UFPE

Atualizado: Quarta-feira, 24 Novembro de 2010 as 3:49

A Advocacia Geral da União (AGU), através do procurador Júlio Avelino, vai recorrer da decisão do Tribunal Regional Federal da 5ª Região de ampliar o benefício do bônus de 10% na nota do vestibular 2011 da UFPE para todos os alunos que estudaram o ensino médio em escolas públicas de todo o país. O edital concedia o benefício apenas para alunos que estudaram em escolas públicas pernambucanas.

Para recorrer da decisão, o procurador Júlio Avelino usou como argumento uma pesquisa divulgada recentemente pelo IBGE, onde mostrava que o ensino médio no Nordeste está 10 anos atrasado em relação ao Sul e ao Sudeste. "Desta forma, alunos de outros estados teriam mais vantagem, além de derrubar uma política de inclusão social feita pela universidade para formação de profissionais pernambucanos", disse.

"Caso seja mantida a decisão, poderemos formar profissionais que poderão deixar o estado após a graduação. Isso também prejudica a criação de mão-de-obra especializada", acrescentou o procurador.    

veja também