MENU

Aluna é barrada na faculdade por usar short curto

Aluna é barrada na faculdade por usar short curto

Atualizado: Sexta-feira, 18 Fevereiro de 2011 as 9:17

Uma estudante de um curso técnico de enfermagem foi impedida de assistir às aulas porque usava uma roupa muito curta, em um caso similar ao ocorrido com Geisy Arruda.

A aluna Tatiana Nepomuceno vestia um short considerado inadequado pela faculdade onde estuda, o que causou problemas na entrada da instituição, no Rio de Janeiro.

A jovem foi barrada por 40 minutos antes de poder assistir às aulas. Ela chamou a Polícia Militar e registrou boletim de ocorrência na 38ª Delegacia Policial do Rio. O caso foi qualificado de dano moral, mas não configura crime.

A escola liberou a entrada de Tatiana, que não se sentiu à vontade para entrar em sala de aula.

- Eu pensei que depois do caso da Geisy [Arruda, expulsa da Uniban por usar um vestido curto] não fosse acontecer nada, mas vi que o meu caso é parecido com o dela. Estão me tratando normalmente [no instituto de ensino], mas não é a mesma coisa que antes.

Secretaria Estadual de Educação do Rio diz que cada instituição de ensino superior tem autonomia para fazer suas próprias regras.

O diretor da escola técnica, Paulo Maximus, afirma a estudante tinha conhecimento das regras da instituição. Maximus ressalta que um termo de matrícula, em geral assinado por todos os alunos, proíbe o uso de roupas consideradas inadequadas, como shorts e saias muito curtas.

Veja o vídeo completo:

veja também