MENU

Alunos de escolas públicas do Rio terão aula de reforço

Alunos de escolas públicas do Rio terão aula de reforço

Atualizado: Sexta-feira, 14 Maio de 2010 as 4:27

Para diminuir a repetência e melhorar o desempenho de estudantes cariocas, universitários dos cursos de licenciatura vão dar aulas de reforço de português e matemática para cerca de 3.000 estudantes do nono ano do ensino fundamental (equivalente à oitava série) de 98 escolas municipais do Rio de Janeiro. A iniciativa resulta de uma parceria firmada nesta sexta-feira (14) entre o Instituto Unibanco e a Secretaria Municipal de Educação, no prédio da Bolsa de Valores do Rio de Janeiro, no centro da cidade.

A secretária de Educação, Cláudia Costin, informou que oito escolas participam do projeto desde o ano passado. Os resultados são tão positivos que a secretária resolveu estender a experiência para 90 unidades da rede.

- Essas escolas receberam um reforço muito importante em 2009, para a melhoria da qualidade da aprendizagem para o nono ano [equivalente à oitava série], que é um ano crítico para o sucesso no ensino médio. Também é um ano em que se acumularam déficits de aprendizagem devido à implantação da aprovação automática, ou seja, é um ano que nos preocupa muito.

Durante o evento, houve a premiação de alunos, coordenadores e diretores de escolas e estagiários que já participam do projeto, criado em 2007, e que já beneficiou 12 mil alunos por meio de um convênio com o governo do estado.

As aulas são ministradas por alunos de seis universidades: UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), Estácio de Sá, Castelo Branco, Veiga de Almeida e da PUC-Rio (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro).

As classes de reforço são formadas por até 30 alunos, que têm carga de estudos de quatro horas semanais. Para os universitários, a experiência vale como estágio supervisionado ou atividade complementar. Para exercer a função, os novos professores recebem uma bolsa-auxílio do Instituto Unibanco.

veja também