MENU

Escola Agrotécnica é reformada na Bahia

Escola Agrotécnica é reformada na Bahia

Atualizado: Terça-feira, 22 Julho de 2008 as 12

O Ministério da Educação entrega à população nesta terça-feira, dia 22 de julho, às 10h, a reformada Escola Agrotécnica Federal (EAF) de Catu, Bahia. A Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do MEC destinou cerca de R$ 800 mil à reforma das instalações e a investimentos em equipamentos de laboratórios. A área construída é de 17 mil metros quadrados.

Os recursos foram utilizados na ampliação do pavilhão de aulas- passou de sete para 13 salas, uma delas destinada a laboratório de informática, com 30 computadores-, na troca do mobiliário e em climatização. Foi construída, ainda, plataforma de elevação para pessoas com necessidades especiais.

O restante dos recursos foi aplicado nos setores produtivos de aves de corte e postura e na transformação de galpões em salas de aula. Todos os banheiros foram reformados e adaptados às pessoas com deficiência.

A escola mantém 510 alunos matriculados nos cursos técnicos de agropecuária (integrado ao ensino médio), informática (para jovens e adultos) e produção e operação de petróleo. Do total de alunos, 122 estudam em regime de internato e recebem três refeições diárias.

A escola de Catu atende 35 municípios, principalmente da região metropolitana de Salvador. Alagoinhas, Aramari, Entre Rios, Esplanada, Pojuca e São Sebastião do Passé são as cidades com maior representação.

Participarão da cerimônia de entrega o coordenador de Gestão da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica da Setec, Gleisson Cardoso Rubin; a prefeita de Catu, Gilcina Lago de Carvalho, e o diretor da EAF de Catu, Sebastião Edson Moura.

veja também