MENU

Estudantes brasileiros vão conhecer Espanha e Chile

Estudantes brasileiros vão conhecer Espanha e Chile

Atualizado: Quinta-feira, 2 Julho de 2009 as 12

Três estudantes de institutos federais de educação, ciência e tecnologia partem na terça-feira, dia 7 de julho, para a Espanha, na 24ª edição da expedição Ruta Quetzal. A aventura cultural levará Ricardo Felipe Lita Rodrigues, do Amazonas, Bianca Alves de Menezes, de Sergipe, e Villen Raphael Lima Cordeiro, de Tocantins, ao país ibérico e, em dezembro, ao Chile. Para participar da expedição, os estudantes brasileiros passaram por seleção, na qual foram avaliados o desempenho escolar, a cultura e a desenvoltura no relacionamento em grupos.

Na viagem, com outros 270 jovens de 53 países, eles saberão como ocorreu a expedição que o imperador Carlos V enviou às ilhas Molucas, na Indonésia, em 1519 - foi a primeira volta ao mundo pelo mar. A frota espanhola, capitaneada pelo português Fernão de Magalhães, voltou à Espanha três anos mais tarde. Ao longo do trajeto, depois de cruzar o estreito que hoje leva seu nome, Magalhães descobriu o Chile, em 1520.

Os participantes da Ruta Quetzal de 2009 vão navegar rumo à ilha Robinson (de Robinson Crusoé, livro do escritor inglês Daniel Defoe), no arquipélago de Juan Fernandez. Ainda no Chile, acompanharão a história do poema épico La Araucana, no qual Alonso de Ercilla narra a epopéia do encontro entre os mapuches (índios do Chile e da Argentina) e os conquistadores espanhóis no século 16. Na Espanha, conhecerão Olmedo, Valência, Cádiz e Sevilha.

A Ruta Quetzal é uma iniciativa do Ministério de Assuntos Exteriores e Cooperação da Espanha. O Ministério da Educação apoia o projeto desde 1993. Nesta edição, em razão da incidência da gripe suína em diversos países, a expedição foi subdividida em duas etapas. Na primeira, os estudantes conhecerão o país europeu - partem na terça-feira, dia 7 de julho, e voltam no dia 25. Na segunda, percorrerão o país sul-americano de 12 a 31 de dezembro. Na segunda-feira, dia 6 de julho, eles serão recebidos por autoridades na Embaixada da Espanha, em Brasília.

veja também