MENU

Fuvest anula uma questão por erro

Fuvest anula uma questão por erro

Atualizado: Quinta-feira, 2 Dezembro de 2010 as 11:35

A Fuvest informou nesta quarta-feira (1º) que vai anular a questão V-57, em razão de um equívoco na formulação da alternativa 'a', considerada correta pela banca examinadora. A primeira fase do exame foi aplicada no último domingo (28).

Nas outras versões, a mesma questão aparece como K-88, Q-27, X-73 e Z-42. A prova de primeira fase terá, portanto, 89 questões.

Professores dos cursinhos Objetivo e Etapa ouvidos pelo G1 no último domingo (28) apontaram falhas na questão. A pergunta traz um trecho do livro "O Cortiço", de Aluísio de Azevedo, cuja história se passa antes da Lei Áurea. A alternativa correta, a letra 'a', diz que a trama ocorre depois da abolição da escravidão.

"Por eliminação, o estudante vai conseguir encontrar a alternativa correta. Mas é um defeito que precisa ser, no mínimo, explicado", disse Francisco Alves da Silva, professor de história do Objetivo.

Dos 132.993 candidatos inscritos no vestibular, 7,79% faltaram à prova da primeira fase no último domingo, o equivalente a 10.365 candidatos.

No total, neste processo seletivo, são oferecidas 10.752 vagas, sendo 10.652 para a Universidade de São Paulo (USP), e 100, para a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.

Do total de inscritos, 122.177 foram candidatos e 10.816 foram treineiros, de acordo com a Fuvest. Entre os inscritos, 54.445 escolheram a área de humanas, 36.674 optaram por exatas e 41.874 concorrem a cursos de biológicas.

A lista de convocados e os locais de exame para a segunda fase será divulgada em 20 de dezembro.

veja também