MENU

Inep vai pagar R$ 167 mil por consultoria do Inmetro no Enem

Inep vai pagar R$ 167 mil por consultoria do Inmetro no Enem

Atualizado: Segunda-feira, 19 Setembro de 2011 as 3:05

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão vinculado ao Ministério da Educação (MEC) responsável pelo Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), publicou portaria na edicação desta segunda-feira autorizando o pagamento de R$ 167 mil ao Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro). O instituto é responsável por realizar um assessoramento na logística do exame. No ano passado, erros de impressão em cadernos de prova e folhas de resposta tumultuaram o Enem, que teve que ser reaplicado para um grupo de estudantes prejudicado pelos problemas. Em 2009, o exame teve que ser adiado porque um exemplar da prova foi roubado da gráfica contratada para imprimir o material. O Inmetro deve acompanhar todas as etapas do Enem, da matriz da prova até a aplicação dos testes e a publicação dos resultados, para certificar que os procedimentos de segurança e qualificação foram atendidos. Um grupo de logística também foi criado no Inep para supervisionar o processo passo a passo. Os Correios continuam responsáveis pela distribuição das provas para todo o País, assim como foi mantido o consórcio formado pelo Cespe e pela Cesgranrio para elaboração da prova. De acordo com o Inep, serão investidos R$ 238,5 milhões para a prova, o que dá um total de cerca de R$ 45 por aluno. O Enem

A partir do resultado da prova do Enem, os alunos se inscrevem no Sisu e podem pleitear vagas em instituições públicas de todo o País. A participação no Enem também é pré-requisito para os estudantes interessados em uma bolsa do ProUni. Os benefícios são distribuídos a partir do desempenho do candidato no exame e podem ser integrais ou parciais, dependendo da renda da família. Para participar do programa é preciso ter cursado todo o ensino médio na rede pública. As provas do Enem neste ano receberam um número recorde de inscritos. O exame será aplicado nos dias 22 e 23 de outubro, em 12 mil locais de prova distribuídos por 1.599 municípios. A partir de 2012 a prova terá duas edições ao ano, uma no primeiro semestre e outra no segundo. A primeira edição do ano que vem já está confirmada para os dias 28 e 29 de abril. A data da segunda edição ainda não foi definida em função das eleições municipais, que ocorrerão em outubro, mês de aplicação do Enem.          

veja também