MENU

Metade das federais obteve notas altas em avaliação do MEC

Metade das federais obteve notas altas em avaliação do MEC

Atualizado: Segunda-feira, 31 Agosto de 2009 as 12

Mais da metade (51%) das universidades e institutos federais avaliados pelo Ministério da Educação (MEC) obtiveram notas 4 e 5 no Índice Geral de Cursos da Instituição (IGC) de 2008, divulgado nesta segunda-feira, 31 de agosto. O indicador, que foi divulgado pela primeira vez no ano passado, atribui notas às faculdades e universidades levando em consideração a qualidade dos cursos de graduação e pós-graduação.

De acordo com a pontuação, as instituições são classificadas em faixas que vão de 1 a 5. Entre as 79 instituições federais avaliadas, 41 delas obtiveram notas entre 4 e 5, consideradas boas. Trinta e cinco tiveram IGC 3, que é razoável.

O Instituto Federal de Ciência e Tecnologia Goiano, a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e o Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Pará foram as únicas instituições federais com IGC 2. Nenhuma das instituições federais avaliadas obteve nota 1, a menor possível.

Após avaliação presencial de uma comissão do MEC para aferir as condições da oferta, as instituições que obtêm IGC 1 ou 2 podem sofrer sanções como a impossibilidade de abrir novos cursos ou ampliar vagas. Ela deverão assinar um termo de saneamento para melhorar a qualidade do ensino. Se as medidas não forem implementas em um ano, as instituições podem ser descredenciadas.

veja também