MENU

Objetivo tem nota alterada e passa a ser o melhor de SP no Enem 2010

Objetivo tem nota alterada e passa a ser o melhor de SP no Enem 2010

Atualizado: Terça-feira, 4 Outubro de 2011 as 2:26

O Colégio Objetivo Integrado entrou com recurso junto ao MEC/Inep e teve sua média final do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) alterada de 715,95 pontos para 753,92 pontos passando, com isso de 20º lugar para terceiro lugar entre as escolas com maior média no exame em todo país. Com a mudança, o Objetivo Integrado passa a ser a escola com melhor desempenho no Enem no estado de São Paulo, superando o Colégio Vértice (743,75).

O recurso foi apresentado e aceito pelo Inep, que já alterou a nota do Objetivo no site do Enem 2010 .

O Colégio de São Bento, do Rio, obteve a maior média, com 761,7 pontos. Em segundo lugar aparece o Instituto Dom Barreto, de Teresina (PI), com 754,13.

Segundo José Augusto Nasser, diretor do grupo Objetivo, o Inep considerou um número maior de alunos no exame. "Ao consultarmos a nota vimos que foram computados 56 alunos, sendo que o colégio teve sempre 43 anos ao longo de todo o ensino médio", justificou o diretor. "Não entendemos porque foram calculados um número maior de alunos, pode ser que estudantes de outras unidades do Objetivo tenham colocado como sendo do Objetivo Integredo na hora da inscrição."

Com a mudança, o Objetivo Integrado obteve as maiores médias nas provas objetivas: 745,64, mas teve nota pior em redação, que o deixou em terceiro lugar na média geral do país.

As notas do Enem 2010 foram divulgadas no dia 12 de setembro. As escolas tiveram até 30 dias para recorrer das notas obtidas no exame. O prazo continua em vigor.

Objetivo teve nota alterada no ano passado

Esta é a segunda vez que o Colégio Objetivo Integrado, criado em 2009, entra com recurso para reclamar de sua nota do Enem. No ano passado, o colégio teve sua média geral alteradano Enem 2009 de 739,75 para 747,81. Com a mudança, a escola passou a ocupar o segundo lugar entre as melhores do Brasil.

Segundo o Inep, naquela época alguns alunos do Colégio Objetivo Integrado se inscreveram para o Enem, em 2009, mas como se tratava de uma nova unidade não havia o código exigido pelo sistema do Inep. Dessa forma, os estudantes foram inscritos como egressos (como tivessem saído do colégio há mais de um ano), como sugestão do Inep.

O Colégio Objetivo solicitou, na Justiça, que o Inep mudasse a categoria de 43 estudantes inscritos como egressos para concluintes, para que as notas fossem computadas no resultado do Enem.

Segundo o diretor João Carlos Di Genio, o Objetivo Integrado foi criado para atender os estudantes habituados em disputar olimpíadas, mas que precisavam de um reforço nas disciplinas na qual não eram especialistas. As aulas ocorrem em período integral. "São alunos muito estudiosos, é uma formação de elite, mas não esperávamos que o resultado deles fosse tão bom", disse Di Genio.          

veja também