MENU

Questões do Enem 2012 serão formuladas por 59 universidades

Questões do Enem 2012 serão formuladas por 59 universidades

Atualizado: Terça-feira, 10 Maio de 2011 as 1:48

RIO - Um total de 59 instituições públicas de ensino superior se cadastrou no Banco Nacional de Itens (BNI) do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), a fim de elaborar itens para o Exame Nacional do Ensino Médio 2012 (Enem). O Inep teve dois objetivos ao convocar as instituições para a tarefa: ampliar o número de itens disponíveis em seu banco e transferir conhecimento às instituições em avaliações de larga escala.

Das 59 instituições públicas cadastradas, sete são centros federais de educação tecnológica (cefets), cinco são fundações universitárias e duas são centros federais. As demais são universidades federais e estaduais.

Na próxima etapa do processo de elaboração de itens para o BNI, o Inep oferecerá capacitação aos coordenadores gerais e coordenadores de área de todas as instituições inscritas. A capacitação abrangerá avaliação, instrumentos de medidas, matrizes de referência, elaboração e revisão de itens.

Após essa fase, será celebrado convênio entre o Inep e cada uma das instituições participantes da capacitação. Só depois será dado início ao processo efetivo de elaboração de itens - que terá que ser feito, obrigatoriamente, em ambiente seguro.

Exame

A demanda mínima por instituição é de 100 questões de uma mesma área do conhecimento. As áreas do conhecimento são: matemática e suas tecnologias; linguagens, códigos e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; ciências da natureza e suas tecnologias.

Os itens devem conter questões objetivas, compostas por um texto-base, enunciado, cinco alternativas e apenas uma resposta correta, além de uma justificativa para cada alternativa. Os itens terão que atender às matrizes de habilidades e competências do Enem. Todos os itens passarão por uma revisão do Inep.

Os colaboradores receberão pagamento por item integrado ao BNI. As instituições também receberão um incentivo financeiro, proporcional ao número de questões elaboradas e aprovadas. Para isso, é necessário que a instituição prepare, no mínimo, 500 questões.

veja também