MENU

SABESP lança cartilhas sobre uso racional da água para escolas

SABESP lança cartilhas sobre uso racional da água para escolas

Atualizado: Segunda-feira, 17 Agosto de 2009 as 12

A Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) incia nesta terça-feira, 18/08, a distribuição de cartilhas que ensinam professores, gestores, funcionários e alunos de escolas a usar a água racionalmente. São dois manuais voltados para gestores e educadores com vasto conteúdo sobre educação ambiental, medidas para reduzir o consumo e sobre o Programa de Uso Racional da Água (PURA), da Sabesp.

As cartilhas são fruto de parceria entre a Sabesp e a Prefeitura de São Paulo e serão entregues a 800 instituições: 750 escolas municipais e 50 prédios da Secretaria de Educação. Entre as 800, 29 já aderiram ao PURA e as demais estão em processo de adoção do programa.

Uma das cartilhas, o Manual do Multiplicador, é direcionada aos professores e traz informações sobre como inserir temas relacionados à água na sala de aula. Nessa cartilha, são fornecidos exemplos de como abordar o assunto em cada disciplina, como matemática, português e artes.

Já o Manual do Controlador é voltado para o responsável pela gestão do uso da água da instituição. Por esta cartilha, o gestor será orientado sobre como detectar vazamentos, medir o consumo do imóvel e trocar equipamentos comuns para economizadores, entre outras questões.

A Sabesp não se limitará a entregar as cartilhas. Cada uma das instituições também receberá serviços de pesquisa e correção de vazamentos, troca ou adequação de aparelhos hidráulicos e orientação de profissionais da companhia, que irão ministrar treinamentos aos responsáveis por disseminar as informações aos estudantes e funcionários.

A primeira escola a receber os manuais é a EMEE Helen Keller (R. Pedra Azul, 314, Aclimação). A cerimônia de entrega e início do treinamento está marcada para as 8h.

A Sabesp prevê entregar as cartilhas às demais instituições até o final de setembro. 31 milhões de litros economizados Pela parceria entre a companhia e o governo municipal, no total, 2.822 imóveis ligados à Prefeitura de São Paulo irão adotar o Programa de Uso Racional da Água. Cerca de 1.200 são escolas.

Até hoje, 516 instituições de ensino já aderiram ao PURA e tiveram economia de 31 milhões de litros de água por mês (dados de junho).

O PURA

O Programa de Uso Racional da Água (PURA) foi criado pela Sabesp em 1996 para promover mudanças culturais e tecnológicas visando à redução do consumo de água e para conscientizar a população no que diz respeito à escassez deste recurso natural.

Entre as principais atividades do PURA estão pesquisa e correção de vazamentos, programas de educação ambiental, gestão do consumo de água via internet (telemedição) e troca de equipamentos comuns por equipamentos de baixo consumo de água.

veja também