MENU

Segundo dia de provas do Enem terá matemática, linguagens e redação

Segundo dia de provas do Enem terá matemática, linguagens e redação

Atualizado: Domingo, 23 Outubro de 2011 as 8:41

Do G1, em São Paulo

Começa neste domingo (23) o segundo e último dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). As provas de matemática e suas tecnologias, linguagens, códigos e suas tecnologias e redação serão aplicadas entre as 13h e as 18h30 no horário de Brasília. Os portões abrem às 12h e fecham pontualmente às 13h, sem tolerância de atrasos.

No sábado (22), 25,29% dos mais de 5,3 milhões de candidatos faltaram às provas de ciências humanas e ciências da natureza, o que representa mais de 1,35 milhão de candidatos. Trânsito, atrasos e confusão com o fuso horário foram algumas das justificativas dadas por estudantes ao G1 para chegar atrasado ao local de prova do Enem.

Segundo o Instituto Nacional de Ensino e Pesquisa (Inep), quem perdeu o primeiro dia do Enem vai ficar com zero nas duas provas que já foram aplicadas, mas pode participar do segundo dia do exame.

Os candidatos nesta situação que vão usar o Enem para tentar uma vaga em universidades inscritas no Sistema de Seleção Unificada (SiSU) podem ter poucas chances no processo seletivo. Mas o Inep recomenda que eles participem do segundo dia de provas como forma de treinamento para o ano que vem e também para evitar traumas.

Já os 545.798 inscritos no Enem com o intuito de conseguir a certificação do ensino médio podem combinar as notas de provas de anos diferentes e, portanto, quem está neste grupo e chegou atrasado no sábado deve manter o ânimo e participar das provas deste domingo.

saiba mais VEJA A CORREÇÃO DO ENEM Prova do Enem aborda revolta árabe, caras pintadas, internet e combustível Mais de 1,3 milhão de candidatos não apareceram para fazer o Enem Veja fotos do Enem pelo país Mais conteúdo

Os professores de cursinho consideraram que a prova aplicada no primeiro dia do Enem, mostrou uma evolução em relação aos anos anteriores. Eles destacaram que as provas de ciências da natureza e de ciências humanas apresentaram temas relevantes e cobrou mais conteúdo em relação a 2010. O mesmo pode acontecer nas provas de matemática e de linguagens e códigos.

Imagens do primeiro dia de provas do Enem 2011 ( veja mais fotos )

Assim como aconteceu no sábado, o G1 trará a resolução das provas feita pelos cursinhos Anglo, Etapa e Objetivo, de São Paulo. Você também poderá acompanhar toda a cobertura do Enem em tempo real em vários estados do país desde a manhã deste domingo.

Na prova de matemática, o coordenador pedagógico do cursinho Etapa, Marcelo Dias Carvalho, sugeriu que os alunos tenham sempre em mente a importância de dominar o cálculo de porcentagem e a interpretação de gráficos e tabelas, que são “o DNA do Enem”. Ele espera questões sobre geometria plana e espacial, que exigem o cálculo e a escala de comprimento, área e volume de sólidos geométricos. Análise combinatória e estatística também devem estar presentes, além de problemas envolvendo questões matemáticas e trigonometria.

Apesar de ter apenas poucas questões inseridas na prova de linguagens, códigos e suas tecnologias do Enem, língua estrangeira pode ser um conteúdo decisivo para o desempenho de quem estiver mais preparado.

Esta foi uma das dicas da professora Vera Laurenti Bianchini, coordenadora pedagógica do Centro de Ensino Fisk. Ela frisou a importância da interpretação de texto como chave para responder as questões corretamente.

O coordenador pedagógico do cursinho Anglo, Francico Platão, destacou que a redação do Enem deverá abordar temas relativos ao homem e seu meio social.

Ele deu a dica para o estudante procurar hierarquizar as informações e procurar ler toda a prova antes de decidir se começa pela redação ou pelas provas objetivas. "De repente algumas perguntas da prova objetiva podem inspirar argumentos que poderão ser usados na redação", disse o professor. "É importante compreender não só as informações pedidas, mas o modo como são trabalhadas."

Redação sem trauma

A redação do Enem é corrigida por dois corretores de forma independente, sem que um conheça a nota atribuída pelo outro. A nota final corresponde à média aritmética simples das notas atribuídas pelos dois corretores. Caso haja discrepância de 300 pontos ou mais na nota atribuída pelos corretores (em uma escala de 0 a 1000), a redação passará por uma terceira correção, realizada por um supervisor. A nota atribuída pelo supervisor substitui a nota dos demais corretores. De acordo com o edital, o Inep considera que a metodologia empregada na correção das redações contempla recurso de ofício.

Será atribuída nota zero à redação: que não atender a proposta solicitada ou que possua outra estrutura textual que não seja a do tipo dissertativo-argumentativo; sem texto escrito na folha de redação, que será considerada "em branco"; com até sete linhas, qualquer que seja o conteúdo, que configurará "texto insuficiente"; linhas com cópia dos textos motivadores apresentados no caderno de questões serão desconsideradas para efeito de correção e de contagem do mínimo de linhas; com impropérios, desenhos e outras formas propositais de anulação, que será considerada "anulada".

Resultados

Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados na página do Inep às 20h da terça-feira (25), segundo o Inep. Os candidatos poderão acessar os resultados individuais do Enem 2011, no dia 4 de janeiro de 2012.

O Inep diz que a utilização dos resultados individuais do Enem para fins de certificação, seleção, classificação ou premiação não é de responsabilidade do Inep, mas das entidades às quais os dados serão informados pelo candidato.   Como fazer uma boa redação no Enem - Leia a proposta com atenção e tire poucos minutos para listar todas as idéias relacionadas ao tema; - Escolha as melhores ideias e estruture-as na introdução (apresentação da tese), no desenvolvimento da tese e na conclusão, que deve obrigatoriamente incluir uma proposta de ação social que solucione o problema apresentado; - É importante que a proposta de ação não seja utópica ou impossível de colocar em prática, por isso, detalhe que ações estão incluídas; - O Enem pode até anular redações que contenham ofensas ou opiniões que ferem os direitos humanos, por isso, tenha cuidado ao apresentar argumentos.

veja também