MENU

Sistema do MEC tem 335 mil inscritos até o início da noite deste domingo

Sistema do MEC tem 335 mil inscritos até o início da noite deste domingo

Atualizado: Segunda-feira, 1 Fevereiro de 2010 as 12

A três dias do final da 1ª etapa de inscrições, o Sistema de Seleção Unificada (SiSU), que seleciona estudantes para 51 instituições públicas considerando a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), recebeu 335 mil inscrições, segundo balanço do Ministério da Educação (MEC) divulgado no início da noite deste domingo, dia 31.

Por volta das 14h de hoje 260 mil candidatos haviam feito inscrições. Em todo o país, 2,5 milhões de estudantes fizeram a prova do Enem.

Alunos sofrem para acessar o sistema

Neste domingo, uma parcela dos internautas comunicou ao G1 que está conseguindo acesso sem dificuldade. Para os candidatos que receberam aviso de “dados inválidos”, o MEC lembra que para acessar o sistema é preciso informar tanto a senha quanto o número de inscrição do Enem. O candidato que tiver perdido a senha pode recuperá-la no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep): www.inep.gov.br .

Veja como funciona

A seleção será feita em três etapas. A primeira começou na sexta-feira, dia 29, e vai até a quarta-feira desta semana, 3 de fevereiro. A cada dia, o estudante pode saber qual a nota de corte do curso que escolheu. Por exemplo: no dia 31 ele se inscreve para o curso de Engenharia na universidade A. Na madrugada de domingo para segunda, o sistema faz um processamento e, de acordo com as notas de quem se inscreveu, gera uma nota de corte na segunda.

A partir das 6h da segunda-feira, este aluno poderá ver sua nota e avaliar suas chances de passar no curso. De posse dessa informação, ele poderá escolher outro curso e/ou outra instituição. Novamente, da segunda para a terça, o sistema refaz o processamento e gera uma nova nota de corte de acordo com as inscrições acumuladas desde sexta-feira.

Em cada uma das três etapas os candidatos poderão optar por concorrer definitivamente a vagas em apenas um curso.

Mais detalhes

As notas são ponderadas de acordo com o que a instituição quer. Um curso de medicina, por exemplo, pode dar mais importância à nota de matemática do que à nota de português. Esse é um dos motivos pelos quais a nota de corte é mutável.

Após o último dia de inscrições na 1ª etapa, o sistema vai gerar a lista de alunos selecionados e as instituições se encarregarão de fazer sua seleção. No dia 15 de fevereiro, o MEC reabre nova seleção, da mesma forma, com as vagas remanescentes. Essa nova etapa continua até o dia 20, quando será gerada uma nova lista de selecionados. Uma terceira etapa semelhante está prevista entre os dias 1º e 3 de março, com resultado no dia 5.

veja também