MENU

Universidade de Taubaté reabre prédio histórico restaurado

Universidade de Taubaté reabre prédio histórico restaurado

Atualizado: Quarta-feira, 23 Junho de 2010 as 10:55

A Universidade de Taubaté (Unitau) inaugura nesta quarta-feira (23) a primeira fase da restauração do Solar da Viscondessa do Tremembé, patrimônio histórico onde funcionava o acervo histórico da universidade, em Taubaté, no interior de São Paulo. O prédio foi fechado para reformas em 2007.

O solar foi tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico e Turístico (Condephaat) em 1985. O local era uma das residências do Visconde do Tremembé, avô do escritor Monteiro Lobato.

A estrutura interna e área externa do solar passaram por reformas, portas e janelas foram restauradas. Todas as características originais do prédio foram mantidas. A obra custou R$ 170 mil, segundo a universidade. Todo o projeto foi executado por alunos e professores de arquitetura e urbanismo da Unitau.

O casarão voltará a abrigar o Centro de Documentação e Pesquisa Histórica (CDPH) no primeiro andar. No segundo andar, o prédio passa a receber uma galeria de artes.

Na segunda fase do projeto haverá o trabalho de recuperação dos afrescos que poderá ser acompanhado pela população.

O restauro do Solar da Viscondessa integra as ações do Projeto Restau, desenvolvido pela universidade desde 2007 com a finalidade de restaurar prédios históricos do município, como o antigo Colégio do Bom Conselho. Entregue à população no final de 2008, o antigo colégio atualmente abriga os departamentos de medicina, psicologia e enfermagem e integra o complexo do Bom Conselho, unidade da Unitau que reúne cursos na área de biociências.

veja também