Universidades federais de Minas Gerais formalizam consórcio nesta terça

Universidades federais de Minas Gerais formalizam consórcio nesta terça

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 10:17

Em uma iniciativa inédita, sete universidades federais instaladas em Minas Gerais decidiram se unir em um consórcio para criar, pelo menos em números, a maior instituição de ensino superior do País. A exemplo de empresas, que se unem para otimizar o uso de recursos e pessoal, sete federais firmaram um compromisso para a criação de uma megauniversidade, cuja proposta será formalizada amanhã. Com o consórcio, a instituição superaria a USP (Universidade de São Paulo) em quantidade de cursos de graduação e alunos matriculados.

O primeiro passo para a criação da entidade foi dado na capital mineira, na semana passada. Os reitores das universidades que funcionam em Alfenas (Unifal), Itajubá (Unifei), Juiz de Fora (UFJF), Lavras (Ufla), Ouro Preto (Ufop), São João del-Rei (UFSJ) e Viçosa (UFV) assinaram um protocolo de intenções, que será formalizado em evento com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro da Educação, Fernando Haddad, na cidade de Divinópolis.

O modelo idealizado pelos reitores, com inspiração em práticas já adotadas em países como os Estados Unidos e França, teve seu primeiro esboço apresentado a Haddad em Brasília no mês passado. Após a formalização, a próxima etapa será elaborar, até 15 de outubro, um PDI (Plano de desenvolvimento integrado), que passará a ser adotado já a partir de 2011.

Segundo o reitor da UFV, Luiz Cláudio Costa, o projeto tem o objetivo de unificar as atividades de ensino, pesquisa e extensão das universidades. "Haverá um grande ganho para os estudantes porque o aluno de uma universidade poderá, por exemplo, cursar disciplinas em outras unidades. Poderemos oferecer muito mais disciplinas eletivas", afirmou. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições