MENU

Universidades qualificarão professores e técnicos dos institutos federais

Universidades qualificarão professores e técnicos dos institutos federais

Atualizado: Segunda-feira, 20 Julho de 2009 as 12

As instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica têm mais uma opção para qualificar o quadro de professores e de técnicos. O Programa de Apoio à Realização de Cursos de Pós-Graduação Stricto Sensu Interinstitucional permitirá a capacitação dos profissionais em uma ação integrada com universidades públicas. As instituições de educação superior participarão como promotoras dos cursos de mestrado ou doutorado.

As atividades serão desenvolvidas pelas universidades nos campi dos institutos federais de educação, ciência e tecnologia, que entram com a infra-estrutura de ensino e pesquisa. A Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) pode dispor de até R$ 7,2 milhões para a capacitação dos professores. Só este ano, serão liberados R$ 2,4 milhões para apoio às propostas selecionadas.

Para oferecer a qualificação, como determina o edital do programa, as instituições promotoras devem ter os projetos de pós-graduação reconhecidos pelo Ministério da Educação, com nota igual ou superior a quatro para mestrado (Minter) e igual ou superior a cinco para doutorado (Dinter) na última avaliação trienal realizada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

As propostas de cursos das entidades promotoras devem ser enviadas por meio da página eletrônica da Capes até 30 de setembro.

veja também