MENU

Usei como banheira, mas limpei depois

Usei como banheira, mas limpei depois

Atualizado: Sexta-feira, 8 Julho de 2011 as 1:28

Aluno entrou em panela do restaurante universitário da UFSCar       O aluno Pedro, que tomou banho em uma panela do RU (Restaurante Universitário) da UFSCar (Universidade Federal de São Carlos), disse ao UOL Educação , por e-mail, que a utilizou como banheira “numa manifestação lúdica”. “Eu mesmo limpei tudo, detergente, água fervendo, esponja”, afirma.

O restaurante não funciona desde o dia 6 de junho por causa de uma greve de funcionários que é apoiada pelo DCE (Diretório Central dos Estudantes). Além disso, o RU está ocupado por estudantes, como forma de pressão à reitoria.

Os membros do DCE repudiaram a atitude do aluno. A UFSCar emitiu nota na quinta-feira (7) informando que vai apurar os fatos. “Em função de fotos divulgadas na imprensa e nas redes sociais sobre suposto uso indevido de equipamentos do restaurante universitário do campus São Carlos da UFSCar, a universidade, de acordo com o que está previsto em seu regimento interno, informa que está tomando as providências para que seja aberta uma comissão, que irá averiguar os fatos.”

Pedro não quis revelar o sobrenome. Além da entrevista, ele enviou uma nota em que pede desculpas "com a consciência de que o ato citado foi incabível e acabou sendo desrespeitoso a todos". Pedro diz que "não tinha a intenção de atingir ninguém". Ele afirma também que "não houve o envolvimento nem ciência dos membros da Ocupação Livre do RU nem de qualquer outro indivíduo".

Veja a entrevista:

UOL Educação: O que realmente aconteceu? Era um protesto?

Pedro: É importante deixar claro que foi uma ideia exclusivamente minha e não teve nada a ver com a ocupação dos estudantes. Eu mesmo não faço parte dela, frequentei por alguns dias para ajudar no que precisasse (limpar, cozinhar, organizar estoque etc).

UOL Educação: A entrada no caldeirão estava planejada?

Pedro: A ideia era de fato usá-la como banheira (porém sem qualquer intenção de deboche ou coisa parecida), numa manifestação lúdica, só que [para], depois, deixá-la mais limpa do que antes! E foi o que aconteceu, eu mesmo limpei tudo, detergente, água fervendo, esponja etc. Não houve planejamento de fato, a ideia foi surgindo, perguntei indiretamente a pessoas aleatórias (dentro e fora do RU) sobre o assunto e numa noite botei em prática. Se não me engano, aconteceu na terça-feira da semana passada.

UOL Educação: Você sabe como a foto foi parar na internet?

Pedro: Eu publiquei as fotos por alguns dias para depois retirar, mas nesse meio tempo elas se espalharam para pessoas que interpretaram como abuso e encaminharam-na [a um site de notícias da região].

UOL Educação: Qual foi a reação das pessoas?

Pedro: Algumas pessoas desaprovaram a ideia, mas, como não houve danos (ao contrário) não passou disso. Agora que isso está na mídia, ganhou esse contexto pejorativo e de abuso, há pessoas querendo tropa de choque para por a ocupação para fora, fazendo chacota etc.          

veja também