MENU

USP consegue mandado judicial para desbloquear prédios interditados

USP consegue mandado judicial para desbloquear prédios interditados

Atualizado: Quinta-feira, 27 Maio de 2010 as 7:44

A reitoria da Universidade de São Paulo (USP) divulgou nota nesta quarta-feira (26) informando  que obteve mandado de reintegração de posse na Justiça de São Paulo para desbloquear os prédios fechados pelos trabalhadores em greve.

Com a decisão da Justiça, a Polícia Militar pode ser acionada para garantir o cumprimento do mandato.

No dia 4 de maio, a 1ª Vara da Fazenda Pública de São Paulo determinou que os grevistas terão de pagar multa diária de R$ 1 mil se fizerem piquetes ou montarem bloqueios em acessos a prédios na USP.

Nesta terça-feira (25) os manifestantes fecharam a reitoria. Na ocasião, o diretor do Sindicato dos Trabalhadores da USP (Sintusp), Aníbal Cavali, disse ao G1 que a multa não intimida o movimento. ''A tendência é radicalizar a greve e os piquetes podem se expandir''.

Em greve desde o dia 5 de maio, os funcionários reivindicam a incorporação de 6% nos salários concedida aos professores em fevereiro. Os trabalhadores da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e Universidade Estadual Paulista (Unesp) também aderiram à paralisação pelo mesmo motivo.

veja também