MENU

Angelina Jolie visita a Bósnia, apoia educação e promete filmar no país

Angelina Jolie visita a Bósnia, apoia educação e promete filmar no país

Atualizado: Segunda-feira, 23 Agosto de 2010 as 2:38

A estrela de Hollywood Angelina Jolie está interessada em apoiar a educação e outros projetos para ajudar jovens bósnios e as pessoas que retornam às casas que deixaram durante a guerra. Em visita ao país, ela prometeu fazer um filme na região. Haris Silajdzic,líder da Presidência de três membros da Bósnia, disse após a reunião que a atriz, que ela perguntou sobre ideias e projectos que poderiam apoiar e ambos concluíram que "a prioridade absoluta é a educação". O objetivo seria transformar Sarajevo em um centro regional de educação, disse Silajdzic.

A atriz americana Angelina Jolie anunciou que voltará neste ano aos países da antiga Iugoslávia para dirigir pela primeira vez um filme, que tratará sobre uma história de amor nos tempos da guerra.

Embaixadora da boa vontade do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur), Angelina deixou Sarajevo na noite de sábado (21) ao partir em um avião particular, acompanhada dos filhos, com destino não-informado, após uma visita de um dia à região, onde se encontrou com autoridades locais.

Segundo um comunicado do Acnur transmitido hoje pela agência bósnia "Fena", a atriz disse que, em seu planejado filme - cuja ação será desenvolvida durante a Guerra da Bósnia (1992-1995) na Bósnia-Herzegóvina -, participarão atores de diferentes etnias, mas sua trama não será de caráter político. "Queria incluir o maior número possível de participantes locais e aprender o máximo possível", declarou Angelina ao fim de sua visita.

O enredo trata da história de amor de um casal diante da guerra e das dificuldades que ela causa à relação. No entanto, segundo o comunicado, o tema do filme, embora ocorra em tempos da guerra, não é sobre a guerra. "O filme será uma história de amor, não uma declaração política".

Angelina disse estar disposta a dar as explicações necessárias para dispersar os temores de que seu filme apresente os conflituosos eventos nos Bálcãs de forma arbitrária.

"Devido ao delicado período histórico, vão surgir rumores e serão publicadas muitas falsidades sobre o que será o tema do filme", ressaltou a atriz. E, por isso, ela se disponibilizará à imprensa "para esclarecer as incertezas que possam surgir".

Como embaixadora da boa vontade do Acnur, Angelina falou ontem em Sarajevo com os membros da Presidência da Bósnia sobre os problemas relacionados ao retorno dos refugiados ao país.

Postado por: Thatiane de Souza

veja também