MENU

Após dia de cancelamentos, voo da TAM segue rumo a Nova York

Após dia de cancelamentos, voo da TAM segue rumo a Nova York

Atualizado: Terça-feira, 28 Dezembro de 2010 as 8:31

O voo 08080 da TAM com destino a Nova York decolou do aeroporto de Guarulhos por volta das 23h desta segunda-feira (27), conforme a Infraero, após a tempestade de neve na Costa Leste dos Estados Unidos ter provocado cancelamentos desde domingo (26) à noite. (É possível consultar os voos no site da Infraero).

Nova York e outras cidades do nordeste dos EUA vêm sofrendo fortes nevascas. Os três maiores aeroportos da região de Nova York abriram suas pistas na noite desta segunda-feira (27) e trabalham para normalizar suas atividades até terça pela manhã. As autoridades fecharam os aeroportos Newark Liberty, JKF e La Guardia no domingo (26) à noite, o que provocou o cancelamento de milhares de voos e fez com que passageiros ficassem retidos nos terminais.

Para os passageiros que estão em Nova York, a TAM informou, em nota, que voos extras foram programados para terça-feira (28). O primeiro parte de Miami, às 6h, para Nova York e prossegue de lá para o Galeão, às 11h. O segundo também sai de Miami, às 13h, para Nova York, e segue para Guarulhos, às 18h. Ainda conforme a TAM, os passageiros procedentes de Nova York que tem conexões domésticas serão acomodados nos primeiros voos com disponibilidade.

A empresa ainda confirmou que os voos que deixariam Nova York para Galeão e Guarulhos no fim da tarde desta segunda-feira (27) foram cancelados. O primeiro sairia de Nova York para o Galeão às 16h15; e o segundo teria como destino Guarulhos e decolaria de Nova York às 17h40.

A nevasca que atingiu a Costa Leste dos EUA gerou o cancelamento de mais de 2 mil voos no país e provocou transtorno na economia e na vida cotidiana dos americanos. A cidade de Nova York, o leste de Nova Jersey e o oeste de Long Island foram as regiões mais afetadas pela tempestade, que começou na costa do Atlântico na noite de domingo e continuava a se mover na manhã de segunda-feira com fortes ventos e paralisando cidades.

A neve, que atingiu 74 centímetros em algumas regiões, também interditou rodovias interestaduais e linhas de trem, pelo segundo dia seguido. Os ventos fortes, que atingiram velocidades de até 95 quilômetros por hora, derrubaram postes de energia e deixaram carros e caminhões presos no meio da neve.

Alguns ônibus municipais foram paralisados e carros foram abandonados pelas ruas, o que complicou a remoção da neve em Nova York. Pelo menos 12 mortes em acidentes de trânsito em diversos Estados foram atribuídas às condições adversas nas ruas.

veja também