MENU

Após recorde de reprodução, parque solta araracangas

Após recorde de reprodução, parque solta araracangas

Atualizado: Quinta-feira, 2 Junho de 2011 as 2:40

A araracanga é nativa das Américas do Sul e Central e não se encontra em risco de extinção       Um grupo de araras da espécie Ara macao foi solto na quarta-feira no parque ecológico Xcaret, no México. Em 2009, o parque recebeu da organização internacional Guiness World Record o certificado pelo nascimento de 105 araras - maior reprodução em cativeiro do animal em um único ano em um único local.

A araracanga, como é conhecida, é nativa das Américas do Sul e Central e não se encontra em risco de extinção. Extima-se que a população desta espécie atualmente esteja entre 20 e 50 mil araracangas.

O parque ecológico Xcaret

Inaugurado em dezembro de 1990, o parque tem sido preservado devido a um sistema de gestão ambiental - com reutilização de água para a irrigação e produção natural de adubo utilizado para fertilização de áreas verdes e viveiro de mudas. O Xcaret foi fundado pelo arquiteto Miguel Quintana Pali junto com Oscar, Marcos e Carlos Constandse. 

Em 1984, Pali arrendou 12 acres de terra no estado mexicano de Quintana Roo para construir sua casa. Ao começarem as obras, ele descobriu cenotes, que são depressões no solo formadas pela dissolução química de rochas calcárias abaixo da superfície quando inundadas e ligadas a uma caverna marinha.              

veja também