MENU

Arábia Saudita prende 160 opositores desde fevereiro, diz entidade

Arábia Saudita prende 160 opositores desde fevereiro, diz entidade

Atualizado: Quarta-feira, 20 Abril de 2011 as 10:56

Desde o início de fevereiro, as autoridades da Arábia Saudita prenderam mais de 160 opositores, entre eles o escritor Nadhir al-Majid, informou nesta quarta-feira a Human Rights Watch (HRW), que denunciou o silêncio dos Estados Unidos e da União Europeia (UE) sobre as "violações dos direitos humanos".

A HRW denuncia em um comunicado o fato da chefe da diplomacia europeia, Catherine Ashton, não ter falado publicamente sobre as detenções em uma visita recente à Arábia Saudita .     "O silêncio, quando mais de 160 dissidentes estão detidos, não deve ser uma opção para Bruxelas e Washington", afirma no texto Christoph Wilcke, pesquisador da HRW para o Oriente Médio.

O comunicado recorda que a maioria das detenções afetou a minoria xiita, que nas últimas semanas tentou protestar para exigir reformas políticas em uma província oriental saudita.      

veja também