MENU

Atentados simultâneos contra polícia matam pelo menos 25 no Iraque

Atentados simultâneos contra polícia matam pelo menos 25 no Iraque

Atualizado: Quinta-feira, 19 Maio de 2011 as 11:25

Pelo menos 25 pessoas morreram, a maioria policiais, e 79 ficaram feridas nesta quinta-feira (19), vítimas de uma série de atentados contra a polícia na cidade iraquiana de Kirkuk, ao norte de Bagdá, segundo autoridades locais e fontes médicas.

Pelo menos três ataques foram executados em pouco mais de uma hora no centro da cidade, alvo de disputa entre o governo central de Bagdá e as autoridades curdas, que desejam integrá-la à região autônoma do Curdistão, de acordo com os serviços de segurança.

"As explosões provocaram 25 mortos e 79 feridos, a maioria deles, policiais", declarou Sadiq Omar Rasul, diretor dos serviçs de saúde da província de Kirkuk, situada 240 km a norte de Bagdá. O balanço foi confirmado pelos serviços de segurança.

Carro em chamas após explosão nesta quinta-feira (19) na cidade iraquiana de Kirkuk (Foto: AFP)

  Uma primeira explosão, provocada por uma bomba colocada em um automóvel, ocorreu às 9h20 locais (3h20 de Brasília), no estacionamento do quartel-general da polícia, no centro da cidade. Instantes depois, um carro-bomba explodiu próximo ao local do primeiro ataque.

Às 10h30 (4h30), um terceiro carro-bomba foi detonado no centro de Kirkuk, quando passava por ele o comboio do chefe do departamento de investigações criminais da polícia, coronel Aras Mohamed, que ficou ferido junto com outras 13 pessoas.

Estes atentados acontecem um dia depois do anúncio das autoridades iraquianas sobre a prisão de um suposto chefe militar da al-Qaeda no Iraque, em uma operação do exército a oeste de Samarra, 110 km a oeste de Bagdá.

O braço iraquiano da reda havia prometido ataques após a morte de Osama bin Laden, em 2 de maio no Paquistão.        

veja também