MENU

Autoridades turcas querem fechar igreja legalizada

Autoridades turcas querem fechar igreja legalizada

Atualizado: Quarta-feira, 18 Junho de 2008 as 12

A Igreja Protestante Batikent, situada em Ancara, é uma das poucas igrejas protestantes que têm reconhecimento legal na Turquia depois de uma série de vitórias judiciais, de acordo com o grupo de direitos humanos baseado em Washington DC, International Christian Concern (ICC).

Entretanto, a ICC reportou no último dia 2 de junho, que dois oficiais da polícia levaram ao pastor a notícia de que o governo fecharia o prédio porque o local não teria licença para funcionar como um lugar de culto.

No ano passado, a igreja protestante Batikent ganhou um caso judicial contra o governo municipal de Yenimahalle que queria fechá-la alegando violações ao código de zoneamento.

Essa notícia agora demonstra que a igreja vai à outra batalha legal sobre um caso que já havia sido ganho.

Perseguição contínua aos cristãos

Segundo a ICC, Daniel Wickwire, que é pastor missionário em Ancara há 23 anos, disse: "É obvio que o que está acontecendo à nossa igreja é um ataque direto, premeditado, contínuo e orquestrado contra a igreja como um todo na Turquia, por parte da ala direita do governo islâmico (Partido AK) que está atualmente no controle do país."

Ele alegou que o governo municipal de Yenimahalle está trabalhando juntamente com o Ministério Nacional do Interior para tentar fechar a igreja.

Pastor audacioso

"O pastor Daniel Wickwire tem sido alvo de várias hostilidades "por ter a audácia de fazer com que a garantia de liberdade religiosa estabelecida na Constituição turca tenha valor", disse a ICC.

Daniel Wickwire tem sido forçado a permanecer na Turquia como turista pelos últimos 19 anos, o que o obriga a deixar o país a cada 90 dias. Isso porque o governo se recusa a lhe dar permissão de residência ou uma permissão de trabalho porque ele é missionário.

veja também