MENU

Baixas temperaturas causam mortes na Bolívia e no Uruguai

Baixas temperaturas causam mortes na Bolívia e no Uruguai

Atualizado: Segunda-feira, 4 Julho de 2011 as 5:14

As baixas temperaturas registradas em alguns países da América Latina já causaram mortes na Bolívia e no Uruguai, de acordo com fontes locais.

Na capital do Uruguai, Montevidéu, um homem em situação de rua morreu de hipotermia, tornando-se a quinta vítima do frio no país.

O corpo foi encontrado na porta de um estabelecimento comercial do bairro Cordón, próximo ao centro da cidade. A polícia foi acionada e o serviço médico constatou a morte por hipotermia.

Senadores da Frente Ampla, coalizão governista de esquerda, apresentaram recentemente um projeto de lei que obriga o deslocamento de pessoas em situação de rua para abrigos públicos durante o inverno. Em Montevidéu, funcionam 17 refúgios, com 800 vagas.

Na Bolívia, 35 pessoas morreram no primeiro semestre por causa do frio que atinge o país. Duas das vítimas foram encontradas nas últimas horas na capital La Paz.

De acordo com o Serviço Nacional de Meteorologia e Hidrologia da Bolívia (Senamhi), o país ainda não alcançou suas mínimas históricas.

A entidade afirma que a atual sensação térmica deve seguir até o fim da semana, principalmente em Laguna Colorada, no Estado de Potosí, onde a expectativa é de que a temperatura chegue a 22 graus negativos.

veja também