MENU

Cacique Raoni recebe título de cidadão honorário de Paris, na França

Cacique Raoni recebe título de cidadão honorário de Paris, na França

Atualizado: Sexta-feira, 30 Setembro de 2011 as 2:10

O líder da tribo amazônica caiapó, Raoni Txucarramãe, recebeu nesta sexta-feira (30) o título de cidadão honorário de Paris, durante cerimônia realizada na capital da França. O título foi entregue pelo prefeito da cidade, Bertrand Delanoe.

Desde o último dia 19, o cacique visita o país europeu a convite de uma organização ambiental local para debater a construção da usina hidrelétrica de Belo Monte, no Rio Xingu, no Pará. Raoni é contra o empreendimento do governo brasileiro e alega em palestras feitas no Brasil que a usina vai prejudicar a floresta e as tribos indígenas.

Cacique Raoni (esquerda) recebe título de cidadão honorário de Paris das mãos do

 prefeito da cidade, Bertrand Delanoe (direita), em cerimônia que ocorreu nesta

sexta-feira (Foto: Mehdi Fedouach/AFP)

  Logo que desembarcou em Paris, há duas semanas, ele recebeu um abaixo-assinado que coletou mais de 100 mil assinaturas de pessoas contrárias à obra da usina.

Os livros com as assinaturas foram entregues ao índigena ainda no aeroporto francês. Durante a cerimônia desta sexta-feira, o indígena ainda plantou uma árvore no jardim do Castelo de Cheverny, nos arredores de Paris.

Polêmica

A obra de Belo Monte é a maior em andamento no Brasil. A usina será a segunda do país em capacidade de geração de energia, atrás apenas da binacional Itaipu.

O governo diz que o empreendimento é essencial para suprir a demanda energética do país em razão do crescimento econômico. Mas entidades e movimentos sociais afirmam que os impactos socioambientais são prejudiciais.

* Com informações da France Presse

O líder da tribo amazônica caiapó foi até a Europa para mobilizar o maior número

 de pessoas no apoio à paralisação das obras da usina hidrelétrica Belo Monte, no Rio Xingu,

 no Pará (Foto: Mehdi Fedouach/AFP)          

veja também