MENU

Casa de autoridade de área petrolífera é atacada na Nigéria

Casa de autoridade de área petrolífera é atacada na Nigéria

Atualizado: Sexta-feira, 12 Novembro de 2010 as 11:18

O principal assessor do governo nigeriano na região petrolífera do Delta do Níger teve sua casa atacada com explosivos na noite de quinta-feira, segundo a polícia local.

Timi Alaibe, que coordenou no ano passado um programa de anistia aos militantes da região do Delta, não estava em casa na hora do ataque, de acordo com assessores e parentes.

Eguavoen Emokpae, porta-voz da polícia no Estado de Bayelsa, disse que os agressores não foram identificados, e que o motivo do ataque não foi esclarecido. "Eles atacaram o local com dinamite e armas, causando danos ao edifício", afirmou.

Milhares de militantes do Delta do Níger depuseram suas armas no ano passado graças à anistia oferecida pelo presidente Goodluck Jonathan. Mas alguns militares de escalão inferior se queixam de não terem recebido o dinheiro e os empregos que esperavam em troca de desistirem da luta armada na região, maior produtora de gás e petróleo da África.

No domingo, o Movimento de Emancipação para o Delta do Níger sequestrou sete estrangeiros que trabalhavam numa plataforma petrolífera da empresa Afren - dois norte-americanos, dois franceses, dois indonésios e um canadense.

O grupo também assumiu a autoria por atentados com carros-bomba em Abuja, a capital, no dia 1o de outubro, perto do local onde acontecia um desfile por ocasião do dia da independência nacional. Pelo menos dez pessoas morreram.    

veja também