MENU

Chega a 65 o número de mortos após colisão entre trens na Índia

Chega a 65 o número de mortos após colisão entre trens na Índia

Atualizado: Sexta-feira, 28 Maio de 2010 as 11:01

Subiu para 65 o número de mortos após colisão entre trens no leste da Índia nesta sexta-feira (28, horário local), informam as autoridades às agências internacionais de notícias. O número de feridos é de ao menos 200.

Uma explosão atingiu um trem de passageiros e fez com que ele saísse dos trilhos e colidisse com um trem de cargas que vinha em direção contrária. Cerca de 13 vagões saíram dos trilhos.

''A explosão descarrilou 13 composições do Expresso Gyaneswari. Essas composições, então, caíram no outro trilho onde um trem de carga colidiu contra parte delas'', afirmou Soumitra Majumdar.

O número de vítimas pode aumentar, pois ainda há passageiros presos nas ferragens.

O incidente ocorreu no estado de Jhargram, em uma área conhecida por ser refúgio de rebeldes maoístas. O trem de passageiros ia de Mumbai para Calcutá. Há suspeita de sabotagem, segundo o porta-voz da ferrovia. As autoridades também suspeitam de atentado.

Os rebeldes maoístas que frequentemente atacam unidades da polícia, prédios do governo e como estações ferroviárias, têm nos últimos meses elevado o número de atentados em resposta a uma ofensiva do governo para eliminar as bases rebeldes.

Uma agência local de notícias chegou a afirmou que um grupo maoísta chamado ''Comitê popular contra as atrocidades policiais'' havia assumido o atentado em uma chamada telefônica, mas um porta-voz do grupo posteriormente desmentiu.

Foto: AP

veja também