MENU

Chile pode desligar indústrias em Santiago para conter alta poluição

Chile pode desligar indústrias em Santiago para conter alta poluição

Atualizado: Segunda-feira, 27 Junho de 2011 as 2:01

A Prefeitura de Santiago, capital do Chile, declarou estado de pré-emergência ambiental nesta segunda-feira (27) em todo o município devido aos altos níveis de poluição registrados. O anúncio pode obrigar a cidade a conter a circulação de parte dos 310 mil automóveis e ainda desligar algumas das 800 indústrias instaladas na região.

A medida foi adotada depois que estações de monitoramento mostraram que os níveis de poluição atmosférica, analisada pela quantidade de partículas nocivas lançadas no ar, estavam bem acima do permitido e ofereciam risco à saúde.

Em comunicado realizado nesta segunda, o prefeito de Santiago, Fernando Echeverria, afirmou que 'há expectativa de que a situação se normalize ao longo do dia'.

A poluição na cidade, onde vivem mais de 7 milhões de pessoas, atinge principalmente os bairros pobres da região leste. A falta de chuvas no outono piorou a situação, o que fez os níveis de poluição atingirem os índices mais altos dos últimos três anos.

Para impedir reflexos na população, Santiago pode ainda proibir a queima de madeira ou biomassa, além da suspensão das aulas de educação física nas escolas. Junto com São Paulo e Cidade do México, a capital chilena é uma das mais poluídas da América Latina.

veja também