MENU

Coalizão lançou de 10 a 12 mísseis sobre alvos líbios na madrugada

Coalizão lançou de 10 a 12 mísseis sobre alvos líbios na madrugada

Atualizado: Segunda-feira, 21 Março de 2011 as 3:30

A coalizão ocidental lançou entre 10 a 12 mísseis em alvos na Líbia na madrugada desta segunda-feira (21), segundo o Comando África dos EUA.

O porta-voz Vince Crawley disse que o número de ataques caiu significativamente em relação aos dias anteriores. No sábado, as forças ocidentais haviam lançado 110 mísseis em 22 alvos líbios.

"Nós gastamos as primeiras 24 horas estabelecendo condições para uma zona de exclusão aérea, e agora estamos fazendo uma transição para uma postura de patrulha", disse.

O chefe do comando militar dos EUA na África, general Carter Ham, disse que, após os primeiros ataques aliados, as tropas leais a Kadhafi ao sul de Benghazi ficaram com "pouca vontade ou capacidade" para atacar a cidade-sede dos rebeldes antigoverno.

Forças ocidentais começaram a bombardear alvos líbios no sábado, em cumprimento a um mandato do Conselho de Segurança da ONU.     O objetivo, segundo as Nações Unidas, é criar uma zona de exclusão aérea que impeça que as forças leais ao coronel Kadhafi, no poder desde 1969, ameacem civis.

Segundo os militares americanos, o objetivo de impor uma zona de exclusão aérea sobre a Líbia, conforme determinado pela ONU, foi alcançado.

A Líbia é palco de confrontos entre tropas leais a Kadhafi e rebeldes antigoverno desde 15 de fevereiro.

A pesada repressão de Kadhafi aos rebeldes causou milhares de mortes, jogou o país em uma guerra civil e provocou uma crise humanitária.        

veja também