MENU

Começa julgamento de ex-nazista acusado de crimes de guerra na Sérvia

Começa julgamento de ex-nazista acusado de crimes de guerra na Sérvia

Atualizado: Quinta-feira, 5 Maio de 2011 as 1:37

O julgamento do húngaro Sandor Kepiro, 97, considerado um dos últimos criminosos nazistas ainda vivos e acusado de crimes de guerra na Sérvia em 1942, começou nesta quinta-feira em Budapeste, na Hungria.

Kepiro chegou ao tribunal caminhando lentamente, apoiado em uma bengala.

Ele é acusado de ser cúmplice de atos de crimes de guerra como comandante de uma patrulha durante o massacre de ao menos 1.200 judeus e sérvios em Novi Sad, uma cidade localizada atualmente em território sérvio. O massacre ocorreu entre 21 e 23 de janeiro de 1942.

Kepiro, então capitão de polícia, é acusado diretamente pelo assassinato de 36 pessoas e pode ser condenado à prisão perpétua. Ele abandonou a Hungria após a Segunda Guerra e viveu na Argentina até seu regresso ao país europeu em 1996. Ele figura entre os primeiros da lista do centro Wiesenthal, que persegue os ex-criminosos de guerra nazistas.

Antes de entrar no tribunal, ele voltou a alegar inocência. "Isto é um circo. As acusações contra mim são mentiras", disse aos jornalistas.

A Hungria se juntou às nações do Eixo após o início da guerra, mas foi ocupada pela Alemanha em 1944 depois de tentativas de negociações de paz com os poderes aliados.  

veja também