MENU

Mundo

Crianças mortas em tiroteio no Texas podem ser filhas adotivas do atirador

Crianças mortas em tiroteio no Texas podem ser filhas adotivas do atirador

Fonte: Globo.comAtualizado: quinta-feira, 10 de julho de 2014 11:50
Imagem aérea mostra cerco policial a atirador no Texas, nos Estados Unidos
Imagem aérea mostra cerco policial a atirador no Texas, nos Estados Unidos

Imagem aérea mostra cerco policial a atirador no Texas, nos Estados UnidosUma briga familiar motivou um homem a matar quatro crianças e dois adultos no subúrbio de Houston, no estado do Texas, nos Estados Unidos, nesta quarta-feira (9), informou a polícia às redes “CNN” e “ABC” e à agência de notícias Reuters.

O homem está preso, mas a polícia não divulgou sua identidade.

Entre os mortos estariam duas crianças adotadas pelo suspeito, segundo a CNN e a Reuters. A polícia investiga se as demais crianças são filhas biológicas do suspeito.
Uma sétima vítima, uma adolescente de 15 anos, foi levada para um hospital e está em estado crítico, após ser atingida na cabeça. A mulher baleada conseguiu informar à polícia a direção da fuga do suspeito, o que deflagrou uma perseguição que durou cerca de 20 minutos.

"Conseguimos cercá-lo em um local sem saída", revelou o chefe de polícia do condado Harris, Ron Hickman., após o suspeito ser rodeado dentro de um veículo por cerca de 50 policiais. "O suspeito está sendo interrogado pelo xerife em nossa delegacia", acrescentou.

As identidades das vítimas do ataque ainda não foram divulgadas. Entre os mortos estão dois meninos, de 4 e 13 anos, e duas meninas, de 9 e 7 anos. Os adultos mortos são um homem, de 39 anos, e uma mulher, 33.

As autoridades disseram que encontraram os corpos de dois adultos e três crianças quando chegaram ao local. A quarta criança morreu após ser transferida para um hospital.

O caso ocorreu em Spring, a 40 km de Houston.

A polícia perseguiu o suspeito do crime, um homem de aproximadamente 30 anos, que acabou cercado em um beco sem saída, e que, depois de ficar encurralado por três horas, se entregou à polícia.

Outros casos
No dia 23 de maio, um estudante matou seis pessoas e cometeu suicídio na Califórnia. Em 5 de junho, um homem matou uma pessoa e feriu outras duas com arma de fogo em um campus de Seattle. No mesmo mês, um casal matou dois policiais e um civil em Las Vegas; e um adolescente matou um estudante de 14 anos em uma escola do Oregon.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições