MENU

Cruzeiro italiano em chamas fica à deriva no Oceano Índico

Cruzeiro italiano em chamas fica à deriva no Oceano Índico

Atualizado: Segunda-feira, 27 Fevereiro de 2012 as 1:07

Um incêndio atingiu um cruzeiro italiano com mais de mil a bordo nesta segunda-feira, deixando o navio à deriva no Oceano Índico, a cerca de 322 km das Ilhas Seychelles.

De acordo com o comandante Cosimo Nicastro, da Guarda Costeira da Itália, disse que o capitão do navio afirmou às autoridades do país que o fogo foi rapidamente controlado e que todos os passageiros estão em segurança.

O incêndio, que teria começado perto do local onde ficam os geradores, causou falta de energia e fez com que os motores do navio parassem de funcionar.

Segundo Nicastro, a Guarda Costeira enviou navios cargueiros para o local. Autoridades das Seychelles enviaram um barco a motor, um avião e dois rebocadores.

A empresa Costa Cruzeiros, operadora do navio, disse que nenhum dos 636 passageiros e 413 tripulantes ficou ferido. O navio é da mesma frota do Costa Concordia, cruzeiro que naufragou na costa italiana em janeiro, após bater em uma rocha e tombar. Até agora, 25 corpos foram resgatados e sete pessoas ainda são registradas como desaparecidas.

O capitão do Costa Concordia, Francesco Schettino, foi detido um dia depois do acidente. Ele é acusado de homicídio culposo múltiplo (sem intenção de matar), naufrágio e abandono do navio, crimes pelos quais pode ser condenado a até 15 anos de prisão. O capitão nega as acusações.

veja também