MENU

Demanda recorde força Argentina a importar energia do Brasil

Demanda recorde força Argentina a importar energia do Brasil

Atualizado: Sexta-feira, 16 Julho de 2010 as 9:27

O consumo de energia na Argentina atingiu um nível recorde na noite de quarta-feira (14), disseram autoridades ontem. O país sofre com uma onda de frio e as pessoas têm usado mais aquecedores, o que provoca interrupções no fornecimento de gás natural.

A demanda por 19,87 megawatts de energia ultrapassou o recorde anterior de 19,70 megawatts, atingido um dia antes, de acordo com a entidade reguladora da eletricidade Cammesa.

Devido à demanda incomum, a Argentina está importando energia do Brasil e do Paraguai por meio de um acordo existente, disse em comunicado o Ministério do Planejamento Federal.

Em relatório, a Fundelec (Fundação para o Desenvolvimento Elétrico) disse que as previsões para a continuidade de baixas temperaturas, incluindo neve em algumas regiões, sugeriam que os níveis de demanda poderiam, inclusive, aumentar nos próximos dias.

O regulador de gás natural da Argentina afirmou nesta semana que continuaria com o fornecimento residencial, mas que imporia restrições para a indústria. Jornais locais informaram que essa decisão incluía algumas companhias que pagaram uma taxa extra para evitar tais restrições durante o inverno.

As falhas nos fornecimentos de gás natural e energia na Argentina são amplamente creditadas à falta de investimentos.  

veja também