MENU

Estudo diz que 40% dos casos de câncer no Reino Unido são evitáveis

Estudo diz que 40% dos casos de câncer no Reino Unido são evitáveis

Atualizado: Quarta-feira, 7 Dezembro de 2011 as 1:27

Um estudo divulgado nesta quarta-feira (7) mostra que 40% dos casos de câncer no Reino Unido poderiam ser evitados caso os pacientes evitassem hábitos nocivos à saúde como fumar, beber álcool em excesso, ter uma alimentação não saudável e manter-se acima do peso.

Os dados foram levantados por cientistas do Cancer Research britânico e publicados na revista médica "British Journal of Cancer". Somente em 2010, os quatro fatores provocaram 106.845 casos de tumores malignos. Este número equivale a um terço de todos os diagnósticos de câncer naquele país no ano passado.O total de tumores notificados foi calculado com base no padrão de incidência da doença entre os anos de 1993 a 2007.

Segundo os especialistas britânicos, o fumo é o principal fator de risco para o desenvolvimento da doença e responde por 23% dos casos masculinos e por 15,6% dos tumores em mulheres.

Quando considerados outros 10 fatores de risco também ligados a estilo de vida e ao meio ambiente, o número de cânceres sobe para 134 mil.

Ao todo, 1 a cada 25 pacientes desenvolveram câncer por causa do local onde trabalham. Uma a cada 33 pessoas tiveram a doença por conta de infecções.

Para o professor Max Parkin, epidemiologista do instituto e da Universidade de Londres (Queen Mary), muitas pessoas ainda acreditam que o câncer é meramente uma questão genética e que a sorte é quem define se alguém irá ou não desenvolver a doença.

O especialista alerta que muitos tumores podem ter causas múltiplas como no caso do câncer de colo de útero, que pode ser causado ao mesmo tempo pelo vírus HPV e pelo hábito de fumar.        

veja também