MENU

EUA impõem sanções ao chefe da diplomacia síria

EUA impõem sanções ao chefe da diplomacia síria

Atualizado: Terça-feira, 30 Agosto de 2011 as 2:39

Os Estados Unidos acrescentaram o ministro das Relações Exteriores da Síria , Walid Muallem, à lista negra de pessoas afetadas pelas sanções impostas ao regime de Damasco, informou nesta terça-feira o departamento do Tesouro americano.

A decisão do Tesouro envolve o congelamento dos bens que Muallem possa ter nos Estados Unidos.

Esta medida também engloba Bouthaina Chaabane, conselheiro do presidente Bashar al-Assad, e o embaixador da Síria no Líbano, Ali Abdel Karim Ali, cujos nomes também figuram na lista americana.

"Aumentamos nossas sanções contra o conjunto do Estado sírio exercendo diretamente mais pressão sobre três altos funcionários do regime de Assad que são os principais fiadores de suas atividades", escreve o departamento do Tesouro em um comunicado.

Muallem é ministro das Relações Exteriores da Síria desde fevereiro de 2006. Foi embaixador da Síria nas Nações Unidas entre 1990 e 2000.      

veja também