MENU

EUA veem progressos 'frágeis e reversíveis' no front do Afeganistão

EUA veem progressos 'frágeis e reversíveis' no front do Afeganistão

Atualizado: Quinta-feira, 16 Dezembro de 2010 as 10:14

Os EUA consideram que conseguiram progressos suficientes no último ano no Afeganistão para iniciar uma "redução responsável" das tropas a partir de julho de 2011, segundo um relatório de revisão da estratégia para o país, divulgado nesta quinta-feira (16) pelo governo Barack Obama.

Obama havia anunciadou no ano passado, quando Washington enviou 30 mil soldados extras ao Afeganistão, que as tropas americanas pretendiam iniciar o retorno para casa em julho de 2011, de acordo com a situação no campo de batalha.   Mas apesar da promessa de início da redução das tropas, a data-chave para a política americana no Afeganistão continua sendo 2014, ano em que os membros da Otan concordaram, em uma reunião de cúpula no mês passado, em transferir o controle da segurança às forças de segurança afegãs.   O relatório afirma ainda que a estratégia do presidente Obama de aumentar os efetivos militares conseguiu conter o avanço dos talibãs em grande parte do Afeganistão, mas destaca que as conquistas continuam sendo frágeis e reversíveis.    

veja também