MENU

Explosões matam 90 pessoas no dia em que Hillary visita Paquistão

Explosões matam 90 pessoas no dia em que Hillary visita Paquistão

Atualizado: Quarta-feira, 28 Outubro de 2009 as 12

A explosão de um carro-bomba matou pelo menos 90 pessoas e feriu mais de 200 nesta quarta (28) em um mercado lotado na cidade paquistanesa de Peshawar. A informação é da rede americana CNN, que cita fontes do governo. A explosão aconteceu algumas horas após a secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, ter desembarcado no país para discutir medidas de apoio à segurança.

O ataque é o mais recente em uma onda de violência recente por parte de rebeldes, sobretudo do grupo extremista Taleban.

Hillary desembarcou no Paquistão com promessas de novas relações com o país aliado, que sofre cada vez mais com o confronto contra a militância islâmica.

O carro-bomba em Peshawar explodiu na movimentada rua de comércio Peepal Mandi na cidade velha, provocando um incêndio que atingiu vários prédios.

Segundo Azam Khan, autoridade do governo na cidade, ''57 pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridas''.

''Foi um carro-bomba. O carro estava estacionado do lado de fora de um mercado frequentado principalmente por mulheres''.

O Paquistão está em alerta máximo em meio a temores de ataques de militantes do Taleban paquistanês, enquanto o Exército ataca fortalezas dos militantes no Waziristão do Sul, na fronteira com o Afeganistão.

veja também